Prefeitura do Rio começa a demolir duas casas em área de risco na Rocinha

Por
· 1 min de leitura
Você prefere ouvir essa matéria?

Vitor Abdala
Repórter da Agência Brasil

 A prefeitura do Rio de Janeiro começou hoje (8) a demolir duas casas de alvenaria localizadas em área de preservação ambiental no Morro da Rocinha, na zona sul da cidade. Segundo a Secretaria de Ordem Pública, a área onde estão as residências, ainda em construção, é considerada de risco.
As duas casas começaram a ser construídas na região conhecida como Vila Verde. De acordo com a Secretaria de Ordem Pública, os construtores retiraram os marcos de delimitação do ecolimite e chegaram a derrubar árvores para erguer as residências.
As construções irregulares foram descobertas por autoridades ambientais, que embargaram a obras nesta semana. A Secretaria de Ordem Pública foi então comunicada e enviou uma equipe hoje para demolir manualmente as duas casas.
Para chegar ao local, a equipe de 100 homens da prefeitura contou com o apoio de 80 policiais militares do Batalhão do Leblon e 20 policiais civis da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core).
A demolição das casas ocorre na mesma semana em que a prefeitura do Rio de Janeiro anunciou a demolição de 12 mil casas em áreas de risco. Na semana passada, pelo menos 74 pessoas morreram no estado do Rio de Janeiro devido às chuvas. A maioria foi vítima de deslizamentos de terra e desabamentos de residências.

Gostou? Compartilhe