Shoppings apresentam protocolos de segurança e pedem para abrir com horário reduzido

Situação é estudada pelo Município

Por
· 1 min de leitura
Você prefere ouvir essa matéria?

Nesta semana, a Prefeitura de Passo Fundo se reuniu com representantes de shopping centers para discutir propostas de retomada de atividades. Em todos os municípios gaúchos, os centros voltaram a funcionar, atendendo a exigências impostas pelo governo estadual. Na reunião com o Município, os estabelecimentos se comprometeram a cumprir um protocolo rigoroso e sugeriram atender, inicialmente, com público e horários reduzidos.

De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico, Carlos Eduardo Lopes da Silva, embora o Estado tenha autorizado o retorno do funcionamento em cidades situadas em regiões com bandeiras amarela e laranja contra o coronavírus, a Prefeitura está avaliando o cenário local. “Passo Fundo ainda está com os shopping centers fechados, mas a reabertura está sendo estudada com os protocolos de funcionamento que serão adotados pelas empresas”, explica.

A Prefeitura analisará os protocolos em que estão elencados os critérios que serão utilizados pelos centros. Entre as medidas apresentadas, estão a redução de público para 20% da capacidade, o horário de funcionamento das 12h às 18h e a higienização frequente e adequada das áreas.

O Município reforça a importância de que a comunidade entenda o momento difícil que estamos vivendo em função da pandemia e siga respeitando as orientações e adotando os cuidados necessários. Sempre que possível, a recomendação é que as pessoas fiquem em casa.

 

Decisão do Estado

O governo estadual definiu, na semana passada, que os municípios localizados em regiões classificadas com bandeiras amarela e laranja podem autorizar a retomada das atividades dos shopping centers. Cidades como Canoas e Pelotas já permitem o funcionamento, assim como Porto Alegre, que liberou a abertura a partir de ontem (20). Todos os estabelecimentos precisam adotar medidas rígidas de higienização, prevenção e controle de pessoas, conforme determinações estaduais.

Embora as atividades tenham sido liberadas pelo governo do Rio Grande do Sul, cabe aos municípios que estão com os centros fechados permitir a reabertura. A Prefeitura de Passo Fundo, que, atualmente, em região laranja, chegou a ser classificada com bandeira vermelha na primeira avaliação do Estado e, dessa forma, tomará a decisão com cautela. Na cidade, os estabelecimentos estão fechados desde o mês de março, como ação para frear os casos de coronavírus.

Gostou? Compartilhe