Acisa lança o Programa Sustentabilidade

A iniciativa visa desenvolver, valorizar e premiar ações práticas de gestão socioambiental nas empresas

Escrito por
,
em

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

A Associação Comercial, Industrial, de Serviços e Agronegócio (Acisa) de Passo Fundo lançou, na manhã desta quarta-feira (20), o Programa Sustentabilidade Ambiental Empresarial. Empreendedores de Passo Fundo e de municípios da região acompanharam o evento que contou com a palestra do Promotor de Justiça, Paulo Cirne, sobre o impacto da legislação ambiental nas empresas.

 

Segundo o promotor, a sustentabilidade ambiental e o conhecimento da legislação ambiental brasileira são extremamente importantes para todo empresário. “Muitas das atividades necessitam de licenciamento ambiental e mesmo as que não passam por esse processo precisam observar alguns detalhes da legislação sob pena de serem responsabilizadas, tanto na área cível, quanto na administrativa ou na penal”, disse. Conforme apontou, hoje, as empresas estão se preocupando mais com a questão ambiental. “Verificamos nas empresas da cidade uma preocupação crescente com as questões ambientais, tanto que nos últimos anos diminuímos os danos ambientais de grande monta na nossa região. Isso demonstra realmente uma preocupação das empresas em geral, principalmente, claro, daquelas que chamamos de potencialmente poluidoras, ou seja, que exercem atividades com ramos mais perigosos, que podem agredir mais sensivelmente o meio ambiente”, afirma.

 

Porém, não significa que todos os problemas estejam resolvidos, conforme explica Paulo Cirne. “Temos vários setores a evoluir. Um deles, por exemplo, é a destinação dos resíduos da construção civil, que é uma questão grave na cidade. Não é um dano ambiental tão significativo a ponto de poluir um rio, como tivemos casos assim, mas é uma situação que temos verificado com bastante constância na nossa cidade e que nos preocupa”, declara. “E aí, sucessivamente, temos aqueles problemas de poluição sonora, atmosférica, degradações em áreas de preservação permanente, destruição de banhados. Essas questões têm pontualmente acontecido, mas podem ser trabalhadas pelas empresas para que sejam evitadas”, pontuou.

 

A bióloga e coordenadora do Núcleo Ambiental da associação, Manoela Cielo, fez a apresentação do programa, iniciativa que busca desenvolver, valorizar e premiar ações práticas de gestão socioambiental nas empresas. “Primeiramente, iremos fazer um diagnóstico das empresas participantes, conhecer as dificuldades de cada setor e separar as atividades por demanda e necessidade. A partir daí, vamos desenvolver o trabalho com eles”, explica a coordenadora. Entre as atividades que serão desenvolvidas estão consultoria ambiental, palestras e treinamentos, desenvolvimento de projetos socioambientais e demais ações voltadas à conscientização ambiental.

 

De acordo com o promotor Paulo Cirne, a iniciativa da Acisa é uma oportunidade de ouvir também as demandas dos empresários. “Essa é uma ação de orientação, aprendizado e troca de ideias. É importante para ouvir também o empresário, ver quais são os seus problemas. Não tenho dúvida nenhuma que a questão ambiental no Brasil passa por um problema também nos órgãos administrativos. Todos os empresários, praticamente, reclamam da demora de um processo de licenciamento ambiental, por exemplo, e isso é algo que tem que ser mudado”, reconhece.

 

Como participar
Empresas e organizações de todos os segmentos, associadas ou não à Acisa, poderão fazer parte do programa. Pessoas físicas também podem ser inscrever. Os interessados em participar devem entrar em contato com a entidade pelo e-mail acisa@acisa.org.br ou telefone (54) 3311-1300 para obter mais informações.

Gostou? Compartilhe