Fatos 09.05.2018

Escrito por
,
em

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Decisão

Acostumado a decisões monocráticas, que dependem apenas da interpretação pessoal diante de fatos e provas de um processo, o ex-presidente do STF Joaquim Barbosa declinou da possibilidade de concorrer à Presidência da República. O comunicado foi feito ontem de forma direta e discreta, pelo Twitter. Alegou questões pessoais. O PSB foi surpreendido com a decisão e se viu frustrado diante da esperança que tinha em retornar ao cenário com um nome com potencial eleitoral. Pelo menos era o que indicavam as pesquisas mais recentes. Agora, o partido está dividido entre a possibilidade de lançar outro nome ou apoiar candidaturas já postas como Ciro Gomes, PDT, Marina Silva, Rede, e Geraldo Alckmin, PSDB. Este último estaria fora da lista se for levado em consideração que um congresso do partido aprovou apoio a candidaturas de centro-esquerda. O prefeito de Passo Fundo, Luciano Azevedo, pertence ao grupo que apoiaria Alckmin.

Senado

Ao Broadcast do Estadão, Beto Albuquerque reafirmou que será candidato ao Senado, reforçando que não se colocará novamente à disposição do partido para a tarefa. "Eu já fiz meu sacrifício em 2014. Sou candidato ao Senado e não abrirei mão. Mas é essencial que algum colega se coloque. Qualquer nome bem preparado tem condições de cumprir esse papel." Beto disse que uma saída, seria um nome do PSB de Pernambuco se apresentar para a disputa, para que a legenda possa capitalizar o legado de Eduardo Campos e Miguel Arraes no Estado.

Consórcio

Quando a água bate a gente aprende a nadar. Pois os municípios gaúchos foram em busca de alternativas para enfrentar a crise e criaram um consórcio habilitado a fazer compras de grande porte. O consórcio já tem a adesão de 34 prefeituras e beneficiará um milhão de pessoas. Outros 279 municípios manifestaram a intenção de aderir à ferramenta e apenas aguardam a votação nas Câmaras de Vereadores do projeto de lei que ratifica o protocolo de intenções.

Case de sucesso

A iniciativa está atraindo a atenção também de gestores municipais de outros Estados. O case do Consórcio Estadual Famurs será apresentado no próximo dia 23, às 16h, na Capital Federal, durante a programação da XXI Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios. Na ocasião, o presidente Salmo Dias de Oliveira, será um dos coordenadores da arena de debates com a temática “Consórcios e Contabilidade”.

Reitoria

Até o fechamento desta coluna, duas chapas estavam inscritas para disputar as eleições da UPF. Uma delas encabeçada pela atual vice-reitora de Extensão Bernadete Dalmolin, e a outra pelo atual vice-reitor Administrativo, Agenor de Meira Junior. A homologação deve ocorrer nesta quarta-feira.

 

 

 

 

Gostou? Compartilhe