Fontes em Off

Escrito por
,
em

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Quiosque de Leitura
Localizado na Praça Antonino Xavier, o espaço dedicado à leitura, à música e às artes iniciou oficialmente as oficinas de 2018. O Quiosque de Leitura Roberto Pirovano Zanatta recebeu no último sábado (5) os pais e crianças e adolescentes para inscrição dos grupos de oficinas. Produção Textual, Teatro 1, 2 e 3, Artes Visuais, Violão 1, 2 e 3, Movimento e Ritmo, Cirandar e Musicando e DJ são as oficinas disponibilizadas. A coordenadora do Núcleo do Livro, Leitura e Literatura da Secretaria de Educação da Prefeitura de Passo Fundo, Suzana Einloft, que coordena as atividades do espaço, ressaltou a procura pelas oficinas. Entre os parceiros e colaboradores estão a Universidade de Passo Fundo e a Academia Espaço da Dança. Recentemente a Prefeitura de Passo Fundo, através de medida compensatória, realizou obras de reforma no Quiosque de Leitura para qualificar o atendimento. O investimento buscou adequar o espaço ao uso, recuperando cobertura, pintura e entorno. 

 

É o Bicho
O Programa É o Bicho é a principal política pública do município para reduzir a procriação descontrolada e o abandono de animais. A castração cirúrgica de caninos e felinos é realizada em diversas regiões. O mês de maio iniciou com trabalhos realizados na vila Operária, onde foram encaminhados 14 animais para castração. A unidade móvel do programa levou cães e gatos já cadastrados pela comunidade para as clínicas conveniadas. Após o procedimento de castração cirúrgica, os animais são devolvidos. “Esses animais da vila Operária eram de protetoras e independentes e de rua”, destacou a coordenadora de Bem-Estar Animal da Secretaria de Meio Ambiente, Maria de Lourdes Secorun. 

 

Happy Hour da Acisa
A Associação Comercial, Industrial, de Serviços e Agronegócio (Acisa) de Passo Fundo convida os empresários para a segunda edição do Happy Hour da Acisa. O encontro será na próxima quinta-feira (10) e abordará o tema “Empreendedorismo e o cenário atual”. O palestrante é o consultor empresarial e mestre em administração e negócios, Nelmar Vaccari. A atividade inicia às 18h30 com um welcome coffee e espaço para troca de cartões entre os participantes. O Happy Hour será no auditório da Acisa (Av. General Neto, 443 – 5º andar, Centro). A entrada custa R$ 35,00. Mais informações: (54) 3311-1300 ou secretaria@acisa.org.br.

 

Dia do desafio I
Nesta segunda-feira (07/05), ocorreu em São Paulo o sorteio dos confrontos saudáveis entre municípios com mesmo porte populacional em toda a América, que irão participar do Dia do Desafio 2018. Nesta edição, o Rio Grande do Sul contará com 492 municípios participando do DDD. As disputas, que a partir deste ano vão ter duração de três anos, podem ser conferidas no site www.diadodesafio.org.br.

Dia do Desafio II
No Estado, o Sistema Fecomércio-RS/Sesc também vai mobilizar as suas Unidades para o Desafio Social para a arrecadação de caçados esportivos, como tênis e chuteiras para crianças e adolescentes. Com propósito social, a campanha ocorrerá durante todo o mês de maio e se encerra no dia 30/05, com a doação dos pares a instituições sociais da cidade de cada Sesc local.

 

Lavar as mãos
Profissionais e acadêmicos que atuam no Hospital da Cidade e Hospital Psiquiátrico Bezerra de Menezes participaram de uma palestra ministrada pelo enfermeiro Emanoel Severo, idealizador e responsável pela campanha “Eu me comprometo a lavar minhas mãos”, que promove ações sobre o tema em diversas cidades do Brasil. O evento mobilizou a equipe multidisciplinar da instituição e integrou a programação alusiva ao Dia Mundial de Higienização das Mãos, lembrado em 5 de maio. Pela primeira vez no Rio Grande do Sul, Emanoel enfatizou aos participantes a importância da prática da higienização das mãos nos serviços de saúde como principal medida de prevenção e controle de infecções.
 
 

Troca de uniforme I
Os pais que precisam fazer trocas dos uniformes recebidos para os estudantes da rede municipal de educação da Prefeitura de Passo Fundo que, por algum motivo, não serviram em seus filhos, ou que apresentaram defeitos, devem esperar apenas mais alguns dias. A Central de Trocas, onde este serviço é oferecido, deve começar a funcionar já na segunda quinzena do mês de maio, tão logo as entregas se encerrem nas escolas. Assim que a Central de Trocas começar a funcionar será feita a ampla divulgação. A partir de então os interessados deverão se dirigir ao Quartel da Brigada Militar, que fica na avenida Presidente Vargas, bairro São Cristóvão.

Troca de uniforme II
Podem ser trocadas peças que não serviram, tanto por número maior quanto por número menor. Também podem ser trocadas as peças com defeitos de fabricação. De acordo com a coordenadora da Central, professora Ivânia Campigotto Aquino, o espaço será organizado com os excedentes dos uniformes adquiridos, a fim de atender às necessidades de substituir peças devido ao tamanho ou que tenham apresentado algum defeito de confecção. Para efetuar as trocas os pais ou responsáveis precisam apresentar um documento de identificação com foto.

Gostou? Compartilhe