Fontes em off

Escrito por
,
em

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Tempo

A primeira semana do inverno de 2018 vai começar com chuva e frio no Rio Grande do Sul, de acordo com o Boletim Meteorológico Semanal da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Irrigação. Nesta segunda-feira (25), devem ocorrer pancadas isoladas de chuva no Nordeste gaúcho e a presença do ar frio manterá as temperaturas baixas em todas as regiões, com formação de geadas na Campanha, Serra do Nordeste e Zona Sul. Na terça (26), o tempo permanecerá frio e com chuva fraca no Norte e Nordeste, mas seco nas demais regiões. Na quarta (27) e na quinta-feira (28), o sol aparece entre nebulosidade variável,  com temperaturas amenas em todo o Rio Grande do Sul. A aproximação de uma frente fria na quinta poderá provocar chuva fraca e isolada na Zona Sul e na Campanha. Os totais esperados para o período deverão oscilar entre 20 e 35 mm na maioria dos municípios do Estado.

Jovem Aprendiz

As inscrições para o Jovem Aprendiz dos Correios 2018 foram reabertas no período de 21 a 28 de junho. O programa oferecerá aos jovens formação de Assistente Administrativo e Assistente de Logística, com oferta de 4.983 vagas em todo o país, mais formação de cadastro reserva. Para concorrer a uma das vagas, o candidato deve ter entre 14 e 22 anos completos (exceto se pessoa com deficiência, que não tem limite de idade) e estar matriculado na escola e cursando, no mínimo, o 9º ano do ensino fundamental. A seleção será simplificada, realizada por meio de comprovação de requisitos referentes a renda familiar, aprovação escolar, série atual e participação em projetos sociais, a partir de pontuação detalhada no edital. Todas as informações sobre o Programa Jovem Aprendiz estão disponíveis no site dos Correios.

Ingresso UPF

Já tem sua graduação, mas quer complementar com outra formação ou mudar de área? A Universidade de Passo Fundo (UPF) já está recebendo pedidos de ingresso especial por meio de reingresso para o segundo semestre de 2018. O prazo de solicitação vai até 23 de julho e o pedido pode ser feito diretamente no site upf.br/ingressoespecial/reingresso. O reingresso é a solicitação de vaga feita por portador de diploma de curso superior. O atendimento do pedido fica condicionado à existência de vaga e às adaptações curriculares exigidas, quando for o caso.

Língua kaingang I

Estão abertas as inscrições para aulas da língua kaingang na Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) – Campus Erechim. O curso é voltado para toda a comunidade acadêmica e também para a comunidade regional, e será ministrado pelo professor Danilo Braga, que é indígena e faz doutorado em História na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). A iniciativa faz parte de um programa de extensão da UFFS, coordenado pelo professor Denilson da Silva, e nasceu dos próprios servidores da Instituição que têm em comum a sensibilidade acerca da temática da cultura indígena na Universidade.

 

Língua kaingang II

O programa será desenvolvido em três projetos distintos – o primeiro é o curso. Os dois outros contemplam a leitura, interpretação e escrita de textos acadêmicos, que será realizado em 2019, além de um coral indígena, que em breve abrirá inscrições. As aulas de kaingang serão realizas quinzenalmente no Campus, iniciando no dia 17 de julho, no horário das 17h às 19h30. Haverá certificação de 30 horas para quem tiver a frequência mínima de 75%. As inscrições devem ser feitas pelo formulário que está disponível no link no site www.uffs.edu.br.

Cobrança de bagagem

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) anunciou um novo recurso, com pedido de decisão liminar (provisória), a fim de interromper a taxa extra de cobrança de bagagens pelas companhias aéreas. O novo recurso foi motivado pelo reajuste no valor da taxa, feito recentemente pelas companhias Azul e Gol. Desde que a autorização para a cobrança foi anunciada pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), a OAB tem atuado para revogar a medida, que considera “lesiva” aos consumidores. A medida chegou a ser suspensa pela Justiça Federal em março do ano passado, mas a decisão liminar foi derrubada no mês seguinte. A OAB quer que uma nova liminar seja concedida enquanto não é julgado o mérito final da ação. A bagagem despachada começou a ser efetivamente cobrada em 1º de junho de 2017. A primeira companhia a cobrar foi a Azul, no valor mínimo de R$ 30 por mala, preço que agora é de R$ 60.

Missão gaúcha I

Com o objetivo de atrair investimentos para o Estado e conhecer novas tecnologias, uma comitiva do governo do Estado desembarcou no fim de semana na Alemanha para participar do 36º Encontro Econômico Brasil-Alemanha 2018 (EEBA), em Colônia. Liderada pelo vice-governador José Paulo Cairoli, a missão do governo gaúcho é composta ainda pela secretária de Minas e Energia, Suzana Kakuta, e pelo secretário do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, Evandro Fontana. O EEBA reúne autoridades governamentais e lideranças empresariais dos dois países para discutir e buscar a ampliação de investimentos e novas formas de cooperação. Com edições anuais, o evento acontece alternadamente no Brasil e na Alemanha. Neste ano, o evento busca reunir em torno de 600 empresários alemães e brasileiros interessados em estreitar relações, fazer intercâmbio de tecnologias, concretizar parcerias e fechar negócios.

Missão gaúcha II 

Na quarta-feira (27), após o encerramento do EEBA e aproveitando a estada em solo alemão, o grupo viaja até Mainz, capital do Estado de Rheinland-Pfalz, para conhecer importante projeto de energias renováveis, incluindo a Juwi, uma das líderes mundiais da área e que tem interesse em investimentos no Estado.Na quinta-feira (28), a comitiva buscará concretizar negócios entre Nordrhein-Westfalen e o Rio Grande do Sul, com ênfase nas áreas de energias renováveis, carboquímica, inovação e metalmecânica.

Gostou? Compartilhe