Fontes em Off

Escrito por
,
em

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Processo seletivo
A Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) publicou mais um edital de processo seletivo exclusivo que destina vagas suplementares para os cursos de graduação através do Programa de Acesso e Permanência dos Povos Indígenas (PIN). Poderão participar do processo seletivo candidatos autodeclarados indígenas que tenham concluído ou que estejam cursando o terceiro ano do Ensino Médio. As vagas são para ingresso no ano de 2019 nos campi Erechim, Chapecó, Cerro Largo, Realeza e Laranjeiras do Sul. Em Erechim são ofertadas duas vagas para cada um dos seguintes cursos: Arquitetura e Urbanismo, Agronomia, Ciências Sociais, Engenharia Ambiental, Filosofia, Geografia, História e Pedagogia. As inscrições poderão ser feitas de 10 de setembro a 19 de outubro na Secretaria Acadêmica (Sala 102 do Bloco A), de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 11h30 e das 13h30 às 16h30, ou com os membros das comissões locais do PIN. Mais informações em www.uffs.edu.br ou pelos telefones (54) 3321-7031 ou 7068.

 

Atendimento humanizado I
Enfrentar uma doença como o câncer não é fácil, a vida transforma-se e tudo parece ter um único objetivo, que é ficar bem. Por isso, a assistência médica e o apoio de familiares e amigos são essenciais para o enfrentamento da doença. E foi buscando propiciar um dia alegre e mais leve na vida de familiares e pacientes oncológicos, que as acadêmicas do curso de Estética e Cosmética da Universidade de Passo Fundo (UPF) promoveram uma tarde de beleza no Hospital da Cidade (HC). As pacientes e acompanhantes chegaram na sala da atividade tímidas, mas após poucos minutos de conversa, carinho e atenção, o olhar triste deu lugar ao sorriso. As estudantes são integrantes do Projeto Integrador Multidisciplinar II, e são desafiadas a desenvolver um projeto e posteriormente executá-lo junto à comunidade. A atividade visa capacitar as futuras profissionais para um atendimento humanizado.

Atendimento humanizado II
Além de serem recepcionadas com música, as acadêmicas da UPF ofertaram muito mais que atenção, realizaram a pintura das unhas, maquiagem, design de sobrancelhas e embelezamento dos cabelos das pacientes. “É muito gratificante participar da atividade, você vê que pode ajudar muitas pessoas, passando um pouco do conhecimento que estamos conseguindo na UPF. Explicamos que é bom cuidar da a pele, unha, cabelo, tem hoje no mercado vários produtos que elas podem fazer uso e que não vai interferir no tratamento”, disse a estudante Jaqueline Beatriz Hasse. Ao fim do encontro as pacientes também receberam um kit com orientações sobre o cuidado com a pele, dicas de maquiagens, crescimento dos cabelos e fortificação das unhas.

 

Curso
O Parque Científico e Tecnológico UPF Planalto Médio (UPF Parque) promove o “Curso caracterização de partículas por difração a laser”, no dia 13 de setembro. O curso acontece no Módulo II do UPF Parque e será ministrado pelos professores Dr. Christian Oliveira Reinehr e Dr. Jeferson Steffanello Piccin. A formação é destinada a empresas do UPF Parque, profissionais da área de construção civil, farmácia, engenharia de alimentos, odontologia, estudantes de graduação e pós-graduação, além de público em geral. As vagas são limitadas e as inscrições devem ser feitas por meio do e-mail upfparque@upf.br. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (54) 3316-8158.

 

Exposições Rio Passo Fundo
A maior exposição já feita sobre o Rio Passo Fundo recebe dezenas de visitantes diariamente. Até o momento, duas mil pessoas já conheceram as exposições do Projeto Rio Passo Fundo: patrimônio paisagístico, natural, ambiental, histórico-cultural, econômico e político. O rio foi literalmente exposto, foram retirados fragmentos do seu habitat e ele foi aberto para a população reconhecer sua beleza, sua importância e seus problemas. As exposições, que estão abertas até dezembro, estão no Portal das Linguagens e no Museu Zoobotânico Augusto Ruschi (Muzar), no Campus I da Universidade de Passo Fundo (UPF). O projeto Rio Passo Fundo é desenvolvido pelo Museu de Artes Visuais Ruth Schneider (MAVRS), com o apoio do Museu Histórico Regional (MHR), do Muzar e do Comitê Rio Passo Fundo, ligados à Vice-Reitoria de Extensão e Assuntos Comunitários (VREAC) da UPF, e patrocinado pelo Programa CAIXA de Apoio ao Patrimônio Cultural Brasileiro 2017/2018 da Caixa Econômica Federal. As exposições são resultado de atividades que iniciaram há um ano e meio e envolveram expedições, ações educativas, visitas a escolas, pesquisa e elaboração de conteúdo. As exposições apresentam o Rio como patrimônio paisagístico, natural, ambiental, histórico-cultural, econômico e político.

 

Hospital Municipal I

A maior obra já realizada no Hospital Beneficente Dr. César Santos, o Hospital Municipal, passou agora para a parte interna da instituição, ao mesmo tempo em que segue com a ampliação dos prédios. Nesta semana, a empresa responsável pela obra deu início na reforma interna, onde será instalado o novo setor de Raio-X. A primeira etapa foi de demolição dos prédios antigos e terraplanagem, seguida pelo trabalho de fundações para a nova estrutura, serviço este que já foi concluído. Conforme o secretário adjunto de Planejamento, Leandro Trizzini, no projeto as obras estão divididas em ampliação e reforma. Esta é a primeira grande obra pela qual passa o Hospital Municipal. Na parte de reforma, será atendida uma área de 1.043,44 m², abrangendo o Pronto Atendimento Adulto e Pediátrico, o Centro de Diagnóstico, a Recepção e as fachadas. Já a parte da ampliação, a área é de 2.643,15 m², englobando o Centro de Diagnóstico, que vai incluir uma sala para tomógrafo, o Pronto Atendimento Adulto, a farmácia interna, o setor administrativo e o setor de apoio logístico.

Hospital Municipal II
A primeira fase da obra de reforma e ampliação do Hospital Municipal vai ampliar a área de leitos de 35 para 54, com a criação de 19 leitos – sendo 12 leitos psiquiátricos. Ainda, 20 leitos serão reformados. Entre outras intervenções estão previstos: dois elevadores novos, troca de gerador de energia e novas instalações elétricas, hidráulicas e de gases. A previsão é de que as obras estejam prontas até março de 2020. O investimento total da obra é de mais de R$ 8 milhões entre recursos federais e de contrapartida do município.

Gostou? Compartilhe