HSVP no seleto grupo de hospitais Acreditado pela ONA

No Brasil são 303 hospitais certificados, no Rio Grande do Sul, 12 e no interior quatro instituições hospitalares

Escrito por
,
em
A conquista da certificação de Hospital Acreditado foi reforçada junto às equipes do HSVP

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

O Hospital São Vicente de Paulo (HSVP) de Passo Fundo chega ao seu centenário, que será comemorado no próximo dia 24 de junho, com a conquista do Certificado de Hospital Acreditado pela Organização Nacional de Acreditação (ONA). A certificação foi avaliada pelo Instituto de Acreditação Hospitalar e Certificação em Saúde (IAHCS), Instituição Acreditadora Credenciada, de acordo com as diretrizes da Organização Nacional de Acreditação ONA, Manual Brasileiro de Acreditação – Volume 1 – Versão 2014. Atualmente, no Brasil são 303 hospitais certificados, no Rio Grande do Sul, 12 e no interior quatro instituições hospitalares, sendo que na região norte o HSVP é o único hospital acreditado. Essa é uma notícia muito positiva que foi esperada com enorme expectativa pelos mais de 3.700 funcionários do HSVP, que se empenharam coletivamente na obtenção desse importante resultado. 


A ONA certifica a qualidade de serviços de saúde do Brasil, tendo como foco principal a segurança do paciente. Sua metodologia de avaliação atende a padrões internacionais de qualidade e segurança. A metodologia e os padrões de qualidade da Acreditação ONA são reconhecidos pela ISQUA (Sociedade Internacional pela Qualidade no Cuidado à Saúde, na sigla em inglês), instituição parceira da Organização Mundial da Saúde (OMS) e que tem entre seus membros especialistas e organizações de saúde de mais de 100 países.


Para a conquista do Certificado de Acreditação ONA Nível I, os colaboradores do HSVP passaram por intensas atividades, treinamentos, com envolvimento de funcionários de diversos setores e unidades. Segundo Marcos Antônio de Britto, gerente do Projeto de Acreditação Hospitalar do HSVP, o trabalho iniciou em 2012, após a revisão do planejamento estratégico, o qual resultou no Projeto de Acreditação Hospitalar devidamente estruturado e pronto para ser executado. “Em 2013, o projeto virou um programa devido a sua grande dimensão e complexidade e então, passou integrar um conjunto de projetos, com o objetivo comum de certificar a instituição como Hospital Acreditado”, detalha Britto.


O gerente pontua que a “acreditação preconiza a garantia das melhores práticas assistenciais e de apoio à assistência para melhorar a segurança do paciente e hoje, graças a toda comunidade hospitalar, médicos, funcionários, lideranças, terceiros e prestadores de serviço, podemos dizer que conquistamos esta primeira vitória. Com isso, quem ganha é o paciente, pois o cuidado está multidisciplinarmente mais e mais focado nele”.
Integrante da equipe do Projeto de Acreditação Hospitalar, a biomédica Renata Schneider, afirma que para garantir alta qualidade na assistência prestada, com foco na segurança do paciente, o HSVP busca novos modelos assistenciais, a fim de alcançar resultados capazes de incrementar o cuidado humanizado e garantir a melhoria do serviço oferecido. Assim, “o HSVP tomou a iniciativa, de forma voluntária, de entrar no processo de Acreditação Hospitalar, com o grande objetivo de elevar o nível de qualidade dos serviços oferecidos para a sociedade”.


Desta forma, Renata explica que o programa de acreditação estruturado internamente, viabilizou, através de uma estrutura baseada no gerenciamento de projetos, ações internas de grandes dimensões: a primeira, como processo educacional, para melhorar a cultura da qualidade e segurança do paciente e a segunda, um processo autocrítico e avaliativo da qualidade dos serviços. “Esse movimento em direção à qualidade proporcionou mudanças fundamentais, onde os profissionais que atuam no HSVP têm papel essencial na garantia e manutenção do processo. Todos os profissionais reforçam a melhoria centrada no paciente, seus familiares e acompanhantes para executar serviços que atendam os requisitos da ONA de forma segura”.


Na área assistencial, a enfermeira Caroline da Silva Zanella, coordenadora do Núcleo de Segurança do Paciente e que também integra a equipe do Projeto de Acreditação Hospitalar, ressalta que ser prestador de serviço em saúde configura um desafio imenso, pois a responsabilização atribuída às instituições hospitalares fortalece a necessidade de oferecer serviços seguros à população, que contribuam para melhoria e reabilitação dos pacientes.


Para Caroline, o árduo trabalho teve sequência com o mapeamento dos processos (o olhar do que e como fazemos), com a elaboração de protocolos institucionais, bem como o fortalecimento das Metas Internacionais de Segurança do Paciente, por meio de ações do Núcleo de Segurança do Paciente, com a mobilização e empenho de todos os profissionais. “O sucesso deste trabalho deve-se ao esforço das nossas lideranças e de todas as equipes do Hospital São Vicente”, enfatiza a enfermeira.

Gostou? Compartilhe