Pelas ruas da cidade

Escrito por
,
em

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Assunto para lá de espinhoso o sossego público, ou a falta dele, nas áreas centrais da cidade de Getúlio Vargas, está na ordem do dia. O problema, que até um passado recente se resumia aos finais de semana ou véspera de feriado se repete praticamente todas as noites. A situação foi relatada por moradores do centro durante encontro realizado no Forum local e agendado pelo Ministério Público. Além dos moradores e comerciantes as presenças de integrantes do legislativo, executivo e Brigada Militar.


I I
Visivelmente incomodados com a situação considerada crônica, os moradores do centro apontaram práticas graves. Além do consumo de bebida alcóolica por menores denunciaram a comercialização e uso de drogas. As reclamações relativas à falta de policiamento foram rebatidas pelo oficial da Brigada Militar. Ele apontou a falta de efetivo e o crescente número de ocorrências na área de atuação da corporação que inclui cidades vizinhas.


I I I
 O chefe do poder executivo, chamado durante o encontro, falou das medidas que estão sendo tomadas. Além do projeto para instalação de vídeo-monitoramento, a solicitação junto ao governo do Estado de novos policiais, bem como ações conjuntas da Polícia Civil, Militar e Conselho Tutelar. Por sugestão do promotor Márcio Abreu Ferreira da Cunha, uma nova audiência foi realizada na última sexta-feira (04) na Câmara de Vereadores. O plenário da casa legislativa ficou tomada e a reunião durou quase  três horas.


I V
O final de semana, que antecedeu o feriado do Dia do Trabalho, prometia ser de muita zoeira (referente àquilo que é uma desordem, como uma gritaria ou excesso de alvoroço e confusão). Na noite do dia 27 de abril integrantes da Brigada Militar, com reforço do Batalhão de Operações Especiais, realizou um ação em Getúlio Vargas que se estendeu pela madrugada. Não se sabe se a operação foi de rotina ou reflexo da reunião com o MP. O certo é que, apesar do grande movimento de pessoas e automóveis ao longo da noite, não ocorreram excessos. Resta saber se esse quadro será mantido.
 
Curtas:
# Ocupando apenas uma das 55 cadeiras da Assembleia Legislativa o PPS acredita no seu crescimento.
# Na região de abrangência da Amau o PPS elegeu em 2016 os prefeitos de Erebango e Faxinalzinho, e a vice-prefeita de Estação.
# Determinados a aumentar a representação no Palácio Farroupilha e eleger pelo menos um deputado federal pelo RS, o PPS terá um candidato na região Norte do RS.
# No encontro realizado no dia 27 de abril no Seminário de Fátima, em Erechim, a presença da deputada estadual Any Ortiz (PPS).
# A parlamentar acompanhou o lançamento da pré-candidatura de Ito Adolfo Müller, ex. prefeito de Áurea a Câmara Federal.
# Prefeito de Estação em duas oportunidades o empresário José Carlos Tonin ingressou no PPS há treze anos.
# Ao lado da esposa Maria Helena, vice-prefeita de Estação, Tonin foi aplaudido durante o encontro ao afirmar que o partido deveria se chamar PCL, Partido Cara Limpa.
# Na semana passada o senador Cristovam Buarque (PPS) aceitou o convite de Geraldo Alckmin (PSDB), pré-candidato a Presidente, para integrar a equipe que vai elaborar o plano de governo na área da educação.
# Em que pese ter se apresentado como pré-candidato à Presidente ao PPS, Cristovam Buarque declinou da ideia e o partido deverá fechar aliança nacional com os tucanos.
Dito & Feito:
Além das sessões ordinárias a Câmara de Vereador de Getúlio Vargas passa a realizar reuniões periódicas. A proposta apresentada pela vereadora Cleonice Forlin (MDB) objetiva incrementar o debate de temas de interesse da comunidade.

Gostou? Compartilhe