OPINIÃO

Fatos 05.10.2016

Por
· 1 min de leitura

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Obra na Avenida Brasil começa em 2017
Até novembro deve ser publicado o edital para a contratação da empresa que vai fazer a obra da Avenida Brasil. A informação foi dada ontem pelo prefeito reeleito Luciano Azevedo, PSB, durante entrevista no programa Café Expresso, da Rádio UPF. Segundo ele, a obra está estimada em R$ 17 milhões. O recurso já está disponível na Caixa Federal e o projeto está pronto. A Avenida Brasil receberá drenagem e toda a infraestrutura necessária para um novo asfalto desde o trevo do Bairro São José até a rua Sete de Agosto. Nos próximos dias a prefeitura terá uma reunião com a Corsan e se os prazos todos forem cumpridos até o final deste ano, 2017 começa a obra na principal via da cidade. O dinheiro foi captado através da secretaria de projetos especiais, comandado por Edison Nunes. Esta secretaria, aliás, já captou R$ 76 milhões, que foram aplicados em diversas obras pela cidade.

Agressão
A Polícia está investigando uma agressão sofrida pela equipe de campanha do prefeito Luciano Azevedo. Foi na véspera da eleição, quando um homem, usando uma arma, provocou estragos em um dos veículos da equipe de campanha. O prefeito estava em outro carro. A ação causou perplexidade e medo. O veículo do agressor era um caminhão com muitos adesivos de um candidato adversário, segundo testemunhas.

Análise
Avaliação de um respeitado passo-fundense sobre o resultado da eleição; “Não tem como desconstruir em 35 dias um trabalho que sequer foi contestado durante 3 anos e meio”. Sobre a atuação da oposição ao prefeito Luciano Azevedo na campanha eleitoral.

Tabu
Márcio Patussi, PDT, consegue quebrar um tabu na Câmara de Vereadores: é o primeiro presidente do Legislativo a conseguir a reeleição como vereador. Já se coloca como protagonista nas próximas eleições: 2018 e 2020.

Secretariado
Depois de conversar com o vice-prefeito eleito João Pedro Nunes, PMDB, o prefeito Luciano Azevedo, pretende iniciar o processo de formação do secretariado que irá lhe acompanhar no próximo mandato. Definição deve ocorrer dentro do mês de outubro.

Alternância
A eleição de Iura Kurtz, PMDB, para a prefeitura de Marau, em substituição a Josué Longo, PP, só reforça a histórica alternância de poder entre os dois partidos no município vizinho. A hegemonia só foi quebrada uma única vez: no ano 2000, quando o PT assumiu a prefeitura. Na época, com apoio do PMDB.

 

Gostou? Compartilhe