OPINIÃO

Fatos - 19/02/2013

Por
· 1 min de leitura

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Paradoxo
O movimento comunitário, além de estar vivendo uma grave crise existencial, toma uma decisão que pode ser classificada como um paradoxo jurídico. A eleição unificada da entidade foi suspensa (pela segunda vez) porque o processo não estaria previsto em estatuto registrado em cartório. Decide-se também, prorrogar os mandatos (por mais um ano) dos atuais presidentes da Uampaf e das associações de moradores. No entanto, estes mesmos líderes que estão com mandatos prorrogados foram eleitos num processo unificado que, segundo consta agora, não é legal. Qual a lógica? Se não vale agora, porque valeu nas eleições anteriores? A Uampaf precisa urgente de um assessoramento jurídico.

Desfiliação
O pedido de desfiliação da Amac (Associação dos Moradores do Centro) feito ontem pelo seu presidente, José Rodrigo dos Santos, é um fato político. A decisão é unilateral da diretoria da entidade, pois segundo consta o estatuto da associação permite (mesmo que de forma nada democrática) que assim seja feito, sem consultar os demais moradores. A Amac vai até convocar assembleia dos moradores do centro, mas a decisão de desfiliação pode não ser debatida porque já está tomada. O presidente da Amac é contra a suspensão da eleição e anunciou ontem que vai realizar o processo em agosto, seguindo o que determina o estatuto da entidade que representa.

Gomes
O ex-prefeito Osvaldo Gomes não está satisfeito no PMDB. Gomes não concorda com as decisões da direção local que optou pela aliança com a atual administração municipal. Gomes estaria examinando duas novas possibilidades partidárias: PTB e PSDB.

Ferramenta
O secretário municipal da Educação, professor Edemilson Brandão tem aproveitado ao máximo a ferramenta do Facebook para integrar professores e diretores das escolas municipais no novo processo de gestão do setor. O objetivo é fazer com que os trabalhadores da educação se sintam parte desta transformação.

Socialistas
Fortalecer os movimentos organizados do PSB, ampliando o contato do Partido com a sociedade, é o principal objetivo do mais recente projeto do PSB gaúcho: a Caravana dos Segmentos.

Gostou? Compartilhe