OPINIÃO

Fatos 30 e 31.07.2016

Por
· 1 min de leitura

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Lorenzato é candidato

Aproveitando a presença de lideranças do PT estadual, o diretório municipal do partido decidiu na sexta-feira à tarde, anunciar a pré-candidatura do vereador Rui Lorenzato a prefeito de Passo Fundo. Depois de não ser aceito na aliança com o PP, não restou outra saída ao PT senão a candidatura própria. A decisão recebeu o aval de lideranças como o presidente estadual do PT, Ari Vanazi, do vice-presidente e deputado estadual Altemir Tortelli, do deputado federal Elvino Bohn Gass, deputada federal Maria do Rosário, o ex-deputado Ivar Pavan e do senador Paulo Paim. A convecção do dia 5 de agosto deve confirmar Lorenzato. O que está em jogo agora é a sobrevivência político-partidária. O PT usará o tempo que tem na propaganda gratuita para defender seus projetos em todas as esferas. Oportunidade que não teria numa aliança com outro partido. Com esta decisão, Passo Fundo terá cinco candidatos a prefeito nas eleições deste ano.

E o PDT?

Vieira da Cunha desistiu da candidatura a prefeito de Porto Alegre, na tarde de sexta-feira. Comunicou ao PDT que, por não conseguir aliados, tomou a decisão de não mais concorrer. No mesmo dia, se apresentou ao Ministério Público do Estado. É promotor público de carreira e estava 21 anos e sete meses afastado da função, pois durante este período cumpriu mandatos como deputado estadual e federal. Antes de decidir concorrer, era titular da secretaria estadual da educação. Assume as funções de promotor na próxima semana.

Protagonista

Em Passo Fundo, o PDT, que sempre foi protagonista nas eleições municipais, vai ficar, pela segunda vez consecutiva, fora da disputa como cabeça de chapa. Desta vez, nem na chapa majoritária está representado. O partido precisa, urgentemente, repensar estratégia para retomar o eixo ideológico, sem o qual poderá sucumbir. O resultado das eleições será determinante.

Convenções

O sábado é dia de convenções. A grande maioria dos partidos define candidatura a vereador e fecha  questão em torno de dois candidatos: Luciano Azevedo, PSB, e Osvaldo Gomes, PP. O ato de Gomes está marcado para o meio dia no CTG Lalau Miranda. O ato de Luciano será no Original Festas, às 15h. 

Presenças

Lideranças estaduais dos partidos que integram as alianças dos candidatos prestigiarão as convenções. Jerônimo Goergen, PP, e Giovani Cherini, PR estarão no ato de Gomes. Beto Albuquerque vai prestigiar o companheiro de partido Luciano Azevedo. 

Gostou? Compartilhe