OPINIÃO

Fontes em Off - 07/07/2014

Por
· 2 min de leitura

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Conselhão I

O Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social de Passo Fundo - Conselhão, realiza uma reunião ordinária na próxima quinta-feira (10), às 19h30, no auditório da Faculdade de Ciências Econômicas, Administrativas e Contábeis (FEAC), da Universidade de Passo Fundo (UPF). Durante a reunião, será apresentado o Plano Estratégico de Desenvolvimento Econômico Local do Município de Passo Fundo (PEDEL), que foi elaborado pela equipe técnica da empresa de consultoria Vertrag Planejamento Ltda. Com base no plano, será exposto um diagnóstico atualizado da economia do município e suas relações com a economia regional.

Conselhão II

O secretário executivo do Conselhão, Ginez de Campos, destaca a importância da audiência. “A ideia desta apresentação pública para mostrar os resultados do PEDEL, é destacar algumas diretrizes básicas que apontam as possíveis estratégias governamentais de desenvolvimento econômico e social, que poderão ser adotadas futuramente pelo executivo municipal, enquanto principal agente indutor do planejamento estratégico do município”, explicou. O encontro contará com a participarão de todos os conselheiros governamentais e não governamentais que compõem o Conselho, bem como das demais lideranças que foram convidadas pelo prefeito Luciano Azevedo.

Sisu I

Se encerra hoje (7) o prazo de adesão à lista de espera do Sistema de Seleção Unificada (Sisu). A adesão é feita no site do Sisu. A lista é apenas para a primeira opção feita na hora da inscrição. Os candidatos em lista de espera serão convocados pelas instituições a partir do dia 14. Aqueles que não foram selecionados em nenhuma das chamadas poderão acessar o boletim pessoal no site do sistema e clicar no botão que confirma o interesse em participar da lista de espera. Também podem integrar a lista os candidatos que foram selecionados na segunda opção de curso, mesmo os que já fizeram a matrícula.

Sisu II

Nesta edição, foram ofertadas 51.412 vagas em 1.447 cursos de 67 instituições de educação superior federais e estaduais. Segundo o Ministério da Educação (MEC), 1.214.259 candidatos se inscreveram. O Sisu é o sistema informatizado do MEC no qual instituições públicas de ensino superior oferecem vagas para candidatos participantes do Exame Nacional do Ensino Médio. A seleção é feita duas vezes por ano. 

Argentina

A perspectiva de aprofundamento da turbulência econômica na Argentina, caso se confirme a possibilidade de um novo calote da dívida externa do país, causa apreensão pelos efeitos que pode trazer para o Brasil. De acordo com analistas, uma reedição do default de 2001 traria desconfiança e restringiria ao extremo o crédito para os argentinos. O financiamento de exportações e importações seria prejudicado. Haveria piora de uma situação já evidenciada há alguns meses na balança comercial brasileira: a retração no fluxo comercial com o país vizinho, um dos principais parceiros do Brasil, e dificuldade em compensar, direcionando as vendas para outros mercados.

Transplantes I

A Central de Transplantes do RS abre processo de seleção para estágio não curricular nos processos de doação e transplantes de órgãos. As inscrições, voltadas exclusivamente para acadêmicos de medicina cursando entre o quarto e oitavo semestre, vão até o dia 24 de julho. A prova será realizada no dia 26 de julho e as entrevistas com os classificados serão feitas entre 31 de julho e 15 de agosto. Os estudantes interessados devem enviar a ficha de inscrição para o e-mail estagio-transplantes@saude.rs.gov.br.

Transplantes II

O estágio será realizado na sede da Central, junto a Central de Regulação do Estado, que opera em escala de serviço 24 horas, sete dias por semana. O estagiário será supervisionado pelo médico regulador do processo de doação e atuará com carga horária de 30 horas semanais, por escala de plantões. O contrato de estágio não curricular, sem vínculo empregatício, é renovável a cada seis meses, até o máximo de 2 anos de permanência, e administrado pela Fundação para o Desenvolvimento de Recursos Humanos – FDRH.

Gostou? Compartilhe