OPINIÃO

Fontes em Off - 26/03/2015

Por
· 3 min de leitura

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Reunião setorial
Nesta quinta-feira (26) a Secretaria Municipal de Cultural realiza reunião setorial de Artes Visuais, que acontecerá às 19h, na Academia Passo-Fundense de Letras. Na oportunidade, diversas ações serão elencadas, a fim de desenvolver e formatar o Plano Municipal de Cultura, em conjunto com o Conselho Municipal e com a Secretaria da Cultura. Durante o encontro, serão debatidos os mecanismos de desenvolvimento das ações sugeridas na primeira setorial, além de levantadas ações futuras para desenvolver em conjunto na elaboração do Plano Municipal de Cultura.

Oficinas I
Continuam abertas as inscrições para as Oficinas no Quiosque de Leitura Roberto Pirovano Zanatta. Ainda restam vagas para as aulas de Xadrez I e II. As turmas de Violão, Teatro e Flauta Doce já foram fechadas. “Estamos muito contentes com esta grande procura pelas Oficinas que realizamos no Quiosque de Leitura. Através destas atividades, queremos promover a cultura e a educação entre as crianças e os jovens, objetivos principais da vida do Instituto”, afirma a coordenadora do Instituto Roberto Pirovano Zanatta, Raquel Pirovano. Ela ainda informa que a intenção é que ocorram novas Oficinas ao longo deste ano, com temas diferenciados. Porém, a execução dependerá do apoio da iniciativa privada.

Oficinas II
As aulas são gratuitas e acontecerão sempre aos sábados, no Quiosque de Leitura que fica na Praça Antonino Xavier e Oliveira, em frente ao Hospital da Cidade. Para a inscrição, o pai ou responsável pela criança deve ir até o local, apresentando documentos e comprovante de residência. O horário de funcionamento é, de segunda a sexta, das 13h30 às 18h e, aos sábados, das 9h às 11h30 e das 13h30 às 17h30. As atividades do Quiosque de Leitura acontecem através de uma parceria entre o Instituto Roberto Pirovano Zanatta e a Prefeitura de Passo Fundo.

Mais Mulher
A Sicredi Planalto Médio RS realiza no dia 26 de março o V Encontro Cooperativo Mais Mulher. O evento acontece a partir das 13h30 no Igaí Eventos. Já tradicional em Passo Fundo o encontro é realizado em comemoração ao Dia Internacional da Mulher. A promoção também é realizada pela Emater RS, Rede Super Útil de Supermercados, Sindicato Rural de Passo Fundo, Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Passo Fundo, Pontão, Ernestina e Tio Hugo e das Prefeituras Municipais de Passo Fundo, Mato Castelhano, Pontão, Coxilha e Ernestina, com o apoio dos Biscoitos Zezé. A expectativa é receber cerca de 800 mulheres da região, onde no evento terão a oportunidade de se conhecer, aprender e efetivamente colocar em prática a liderança feminina.

Software Livre
A liberdade do usuário em programar as próprias soluções em tecnologia será uma das abordagens de Alexandre Oliva na palestra "1984+30: GNU contra a e-Novilíngua", promovida pelo Grupo de Estudo e Pesquisa em Inclusão Digital (Gepid) do curso de Ciência da Computação, da Universidade de Passo Fundo (UPF). Considerado evangelizador do Software Livre, Alexandre Oliva estará no dia 30 de março, às 19h30, no auditório do prédio B5, do Instituto de Ciências Exatas e Geociências (Iceg) da UPF, em uma conversa com acadêmicos e público em geral. A palestra é gratuita e será gerado certificado aos participantes.

Importação
O Brasil suspendeu a importação de maçã, pera e marmelo da Argentina. A restrição à compra das frutas foi adotada após ter sido identificada a presença da praga Cydia pomonella, conhecida como praga da maçã, em carregamentos procedentes do país. A medida começou a valer ontem (25). Segundo a ministra da Agricultura, Kátia Abreu, a suspensão durará até que os argentinos autorizem a entrada de técnicos brasileiros no país para avaliar a situação.

Fies I
As mudanças em regras no Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) e as dificuldades enfrentadas pelos estudantes para renovar e firmar novos contratos foram discutidas ontem (25) por representantes do governo, de estudantes, dirigentes de instituições de ensino superior privado e parlamentares em Comissão-Geral da Câmara dos Deputados. Os estudantes reclamam de dificuldades para acessar o sistema do Fies e concluir a requisição de novos contratos. Também destacam as dificuldades nos pedidos de renovação e estão inseguros com a entrada e a permanência no ensino superior. “Queremos entender o que vai acontecer com os alunos que já estão matriculados e passam dias e noites na frente do computador, no site do Fies, encontrando mensagens de erros”, disse Ricardo Holz, coordenador do Movimento em Defesa do Fies.

Fies II
O ministro interino da Educação, Luiz Cláudio Costa, disse que as renovações de contratos do fundo serão garantidas. Dos 1,9 milhão de contratos do Fies em vigência, 1,2 milhão já foram renovados, segundo Costa. Somam 200 mil os estudantes que se inscreveram para novos contratos do programa neste ano. O prazo final para inscrições é o dia 30 de abril. Na avaliação do ministro, não será preciso ampliar o prazo.

Gostou? Compartilhe