OPINIÃO

Fontes em Off - 26/11/2012

Por
· 3 min de leitura

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Dona Cano
A Dona Canô, mãe de Caetano Veloso e de Bethânia, morreu ontem em sua casa na cidade de Santo Amaro da Purificação no Recôncavo Baiano. O velório iniciou às 19h de ontem, no Memorial Caetano Veloso, em Santo Amaro. O enterro acontece hoje. Ela morreu por volta das 10h. Ainda na sexta (21), Dona Canô recebeu alta do Hospital São Rafael, em Salvador, onde apresentou um quadro de isquemia, embora tivesse sofrido uma leve piora. A família já esperava pelo pior, tanto que não fizeram a ceia de Natal, na noite desta segunda (24).

Coleurb

De 26 de dezembro de 2012 a 24 de fevereiro de 2013, algumas linhas de ônibus da Coleurb circulam com horários diferenciados, devido à Campanha de Verão. Os novos Guias de horários já estão à disposição nos postos de venda de passagens: Matriz, bairro Petrópolis (Av. 7 de Setembro-97), Loja Centro (Morom-1230) e Loja UPF (Centro de Convivência).

Cantata
Durante o mês de dezembro, os corredores do Hospital São Vicente de Paulo (HSVP) de Passo Fundo, se encheram de emoção. Um espetáculo musical, com canções natalinas apresentadas pelo Coral dos Funcionários do HSVP, percorreu todos os espaços da instituição levando a magia do Natal aos pacientes e familiares. Ao som de 10 vozes e um violão, as canções emocionaram funcionários, pacientes e familiares. As atividades de Natal do HSVP encerram no dia 24 de dezembro com celebração de missa que acontece na capela da instituição às 16h30.

Paz
Em sua tradicional mensagem de Natal Urbi et Orbi (à Cidade e ao Mundo), o papa Bento XVI voltou a pedir o fim do derramamento de sangue na Síria, país que vive quase dois anos de conflitos. Diante de milhares de peregrinos na Praça São Pedro, no Vaticano, Bento XVI pregou o diálogo e uma solução política no país árabe. “Peço pelo fim do derramamento de sangue, pelo acesso mais fácil de ajuda humanitária aos refugiados e aos deslocados”.

Indulto I
O governo anunciou na segunda-feira (24) duas mudanças no indulto de Natal que vão beneficiar mulheres com filhos menores e pessoas que cometeram crimes ao patrimônio com prejuízos pequenos. O decreto foi assinado pela presidente Dilma Rousseff e deve ser publicado no Diário Oficial da União de hoje (26). O indulto é um perdão das penas e favorece presos que têm bom comportamento e que tenham cumprido parte da condenação.

Indulto II
De acordo com a ministra da Comunicação Social, Helena Chagas, a primeira mudança em relação ao benefício concedido no Natal do ano passado, vai beneficiar mulheres condenadas e presas por crimes não hediondos, que tenham cumprido pelo menos um quarto da pena, com bom comportamento e que tenham filhos de até 18 anos ou com deficiência. Antes a regra valia para mulheres com filhos de até 14 anos.

Indulto III
O indulto também valerá este ano para quem cometeu pequenos furtos. A mudança vai beneficiar pessoas condenadas a penas de até quatro anos de prisão por crimes contra o patrimônio, sem violência grave ou ameaça e com prejuízo de até um salário mínimo. O indulto poderá beneficiar quem cumpriu pelo menos três meses da pena. Para os demais presidiários, as regras para receber o indulto continuam as mesmas de 2011.

ONU I
O Brasil foi reconduzido na segunda-feira (24), por aclamação, para mais um mandato de dois anos no Comitê Organizacional da Comissão de Construção da Paz (CCP) das Nações Unidas, informou hoje (25) o Ministério das Relações Exteriores (MRE). Criada em 2005, a CCP tem como principal objetivo auxiliar os países recém-saídos de conflitos armados a alcançarem estabilidade política e econômica, e o Comitê Organizacional, composto por 31 países, estabelece as diretrizes de atuação da CCP.

ONU II
O Brasil é membro do Comitê Organizacional desde que a Assembléia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), realizada em 20 de dezembro de 2005, criou o colegiado, composto por sete nações escolhidas pelo Conselho de Segurança (China, Colômbia, França, Marrocos, Rússia, Reino Unido e Estados Unidos); sete países eleitos pelo Conselho Econômico e Social (Egito, Chile, República da Coreia, Ruanda, Espanha, Ucrânia e Zâmbia); cinco dos principais contribuintes para os orçamentos das Nações Unidas (Canadá, Holanda, Japão, Noruega e Suécia); cinco dos principais fornecedores de militares para as missões da ONU (Bangladesh, Índia, Nepal, Nigéria e Paquistão); e sete membros eleitos pela Assembleia Geral da ONU (Brasil, Benin, Croácia, Indonésia, El Salvador, Tunísia e Uruguai.

Gostou? Compartilhe