OPINIÃO

Fontes em Off - 27/092014

Por
· 2 min de leitura

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Marcela Taís
A jovem cantora cristã Marcela Taís estará em Passo Fundo no Encontro de Gerações da Igreja Batista de Passo Fundo. O evento é voltado só para mulheres e irá reunir, no mesmo local, diferentes gerações para discussões sobre a crença. Marcela Taís fica responsável pelo show: uma mistura de folk e estilo próprio numa voz marcante, doce e delicada. Suas músicas carregam letras poéticas e ao mesmo tempo simples que embalam confiança, otimismo, leveza e fé, de uma forma prática e descomplicada. O show é aberto para toda a comunidade e acontece na AABB, neste sábado, 27, às 14h. Os ingressos custam R$ 20 e não serão vendidos na hora. Contato: 54 9628 4096

Gente fina, elegante e sincera

Você a conhece. Ela é elegante e vaidosa. Uma socialight que administra suas empresas. Viúva e mãe de três filhos. Sim: Dulce Alcântara Pereira Barreto está de volta aos palcos em um espetáculo que marca os quinze anos de vida da personagem. Um Bate-Papo com Gente Fina, Elegante e Sincera traz uma Dulce em uma reflexão sobre as pessoas e em busca da transformação dela mesma e do público que a assiste. É um espetáculo dinâmico, cômico e interativo, mas é, também, desafiador para quem está no palco e para quem está na plateia. A peça irá acontecer dentro da Mostra Celebrate, neste sábado, 27, às 18h30. Os ingressos serão vendidos a R$ 20.

Anna Luísa

As aulas na escola Estadual de Ensino Médio Anna Luísa Ferrão Teixeira, suspensas na semana passada por problemas na rede elétrica, serão retomadas nesta segunda-feira. O trabalho de desenergização do prédio, iniciado na quarta-feira, já está concluído pelos técnicos. O problema surgiu em decorrência de um curto circuito na rede elétrica, cuja fiação é a mesma desde a construção do educandário, há mais de 50 anos.

Física na Praça
Conhecida por se dedicar aos números, a Física é, antes disso, a ciência que estuda os fenômenos da natureza, desde as partículas até o universo. Para aproximar essa ciência da comunidade e mostrar que ela faz parte da vida cotidiana das pessoas, o curso de Física UPF promove, no próximo dia 4 de novembro, a terceira edição do projeto Física na Praça. Na oportunidade, os participantes da programação poderão interagir com diversos equipamentos que explicam os fenômenos físicos recorrendo a ludicidade. A programação tem início às 19h, na Praça da Mãe.

Itinerante
No próximo domingo (28), acontece em Passo Fundo mais uma edição do Projeto Cultura Itinerante. Desta vez, é o Loteamento Leonardo Ilha que recebe oficinas, shows, apresentações artísticas, recreação para as crianças e outras atividades que vão animar a tarde de domingo da comunidade. A ação inicia às 14h e segue até as 18h. Uma mateada também está programada para acontecer junto as outras atrações, que serão realizadas na Avenida Telmo Ilha, em frente a Escola Municipal Cantinho Feliz.

Auxílio-moradia I
O ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu autorizar o pagamento de auxílio-moradia para juízes da Justiça Trabalhista, da Justiça Militar e para magistrados de nove estados que ainda não recebiam o benefício. Na decisão, assinada na quinta-feira (25), o ministro estendeu a vantagem, garantida por ele em uma liminar liberando o pagamento para juízes federais.

Auxílio-moradia II
Motivada por ações da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB) e da Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho (Anamatra), a nova decisão beneficia juízes estaduais do Acre, do Amazonas, da Bahia, do Ceará, do Espírito Santo, da Paraíba, do Piauí, do Rio Grande do Sul e de São Paulo. Como o valor não é regulamentado pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), o benefício será de acordo com o que é pago pelo Supremo Tribunal Federal, aproximadamente R$ 4 mil.

 

Gostou? Compartilhe