Transpasso encerra as atividades e demite cerca de 40 funcionários

Linhas de transporte coletivo urbano operadas pela empresa foram devolvidas ao Poder Público Municipal

Por
· 1 min de leitura
Foto: Arquivo/ON

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Após mais de duas décadas operando algumas linhas de transporte coletivo urbano, em Passo Fundo, a empresa Transpasso anunciou, nesta quinta-feira (16), a suspensão das atividades no município e a demissão de cerca de 40 funcionários responsáveis pela direção dos veículos e cobrança de passagens no perímetro urbano.

Em nota, encaminhada ao prefeito Luciano Azevedo (PSB), a administração da concessionária alegou "nefastos reflexos econômicos provocados pela pandemia Covid-19 e pelas medidas de mobilidade social adotadas pela municipalidade" que, segundo a empresa, agravaram a situação econômica do setor. A redução de cerca de 80% no transporte de passageiros, inviabilizaram o prosseguimento dos serviços prestados nos deslocamentos diários. "Assim, diante dos fatos já expostos acima e em uma atitude de responsabilidade com seus funcionários, suas famílias e comunidade, conduta tradicional por parte dessa empresa, não resta opção senão a de encerrar as atividades e proceder a devolução ao poder público municipal das linhas que opera, para que adote as medidas adequadas ao interesse público", justificou a Transpasso.


*Notícia em desenvolvimento

Gostou? Compartilhe