Mais de 80% dos pais são contrários à volta das aulas presenciais em Passo Fundo

Levantamento ouviu 6.744 responsáveis pelos alunos da rede municipal de ensino

Por
· 1 min de leitura
Foto: Divulgação/PMPFFoto: Divulgação/PMPF
Foto: Divulgação/PMPF
Você prefere ouvir essa matéria?

Mais de 80% dos pais são contrários à volta das aulas presenciais em Passo Fundo, conforme apontou uma pesquisa realizada pela Prefeitura Municipal entre os dias 5 a 11 de agosto.

O estudo foi realizado a partir de um formulário do Google, encaminhado via WhatsApp pelas direções das escolas. Ao todo, participaram 6.744 pais de alunos de escolas de ensino fundamental e de educação infantil.

Em um total geral, 17% das pessoas são favoráveis à retomada, enquanto 83% são contrárias. Os percentuais obtidos são semelhantes em todos anos escolares, conforme demonstram os gráficos.

O secretário de Educação, Edemilson Brandão, destaca que a pesquisa vai ao encontro do interesse da administração de dar voz às famílias neste momento de pandemia. "A ideia de ouvir os pais dos nossos alunos sobre a possibilidade de que seu filho possa retornar às atividades presenciais nas escolas públicas municipais de Passo Fundo, se são favoráveis ou não em um período de pandemia, reforça o pensamento da atual administração municipal com o cuidado e a preservação de vidas das pessoas do nosso convívio", enfatiza.

Acerca dos resultados colhidos, Brandão pontua que eles evidenciam a preocupação da grande maioria dos pais com a saúde, o que deve nortear as medidas adotadas pela Prefeitura. "Do total de pessoas que responderam o formulário, 5.628 se manifestaram não favoráveis ao retorno das atividades presenciais nas escolas neste ano e 1.116 são a favor. Isso demonstra uma preocupação maior com a vida tanto de seus filhos quanto de familiares", justifica o secretário.


Gostou? Compartilhe