Alunos aprendem sobre doação de sangue

Escolas municipais participam de ações sobre a importância da doação de sangue

Por
· 1 min de leitura

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Com a proximidade do Dia Mundial do Doador de Sangue, comemorado em 14 de junho, as escolas municipais têm uma programação diferente com os alunos em parceria com o Programa Doadores do Amanhã.

A Escola Municipal de Ensino Fundamental Romana Gobbi participou da iniciativa com a turma do 8° ano, que visitou o Serviço de Hemoterapia do Hospital São Vicente de Paulo (HSVP), além de receber na escola a visita do mascote Hemozito. A ação também se estende para outras escolas e deve ter atividades contínuas.

O Programa Doadores do Amanhã foi instituído através da lei 5395 de 11 de janeiro de 2019, com o objetivo de conscientizar os estudantes sobre a importância da doação voluntária de sangue e de medula óssea; promover cursos, seminários, palestras e campanhas para os alunos, seus familiares e a comunidade em torno das escolas; e organizar ações de conscientização e incentivo à doação, em conjunto com os demais órgãos do Poder Executivo.

O projeto inicial nasceu da parceria do projeto de extensão da Universidade de Passo Fundo (UPF) ligado ao Programa de Extensão ComSaúde, do Serviço de Hemoterapia do Hospital São Vicente de Paulo (HSVP), da Academia Passo-Fundense de Letras e da Secretaria de Educação da Prefeitura de Passo Fundo.

Gostou? Compartilhe