OPINIÃO

Combate ao consumismo infantil

Por
· 2 min de leitura

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Patrocinado pelo Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente, PNUMA, e organização do Instituto Alana, será desevolvido ao longo de 2018 um projeto envolvendo professores de 500 escolas da rede pública do país com discussão de um processo de alfabetização ambiental para adultos com o objetivo de chegar aos estudantes. Os educadores fazem parte de escolas de Ensino Fundamental I, em sete cidades do país: Belém (PA), Brasília (DF), Canoas (RS), Novo Hamburgo (RS), Salvador (BA), São Paulo (SP) e Porto Alegre (RS). Dentro da proposta do projeto foram criados os chamados EcoAtivos. A ideia central é viabilizar um novo modo de pensar o consumo, a partir da compreensão da necessidade dos bens e do custo financeiro, social e ambiental do consumo. Destaca-se no programa a ênfase em 17 objetivos do Desenvolvimento Sustentável, mudanças climáticas, economia solidária, cooperativismo, uso ético dos recursos naturais, consumo de energia limpa, acesso equitativo a tecnologias, regeneração dos solos, biomas brasileiros e reflorestamento estão entre os tópicos abordados, dentro de seis núcleos: água, interação humana, espécies e ecossistemas, energia e tecnologia, segurança alimentar. Só participarão do projeto as escolas indicadas pelas Secretarias Estaduais de Educação.


O celular é líder em reservas de viagens
Uma pesquisa intitulada “Travel Flash Report” confirmou a crescente influência das compras móveis no setor de viagens no ano de 2017. Os dados revelam que no Brasil, 37% das reservas online de viagens foram feitas por meio de dispositivos móveis, com preferência pelos smartphones, com 34%. Já os tablets atingiram a marca de 3%. Na América Latina, os dados mostram um crescimento ainda maior na presença dos aplicativos móveis nas reservas de viagem, chegando a 60%. O crescimento no uso desses meios de reserva é de 41%. A facilidade no uso desses aplicativos já está impulsionando as vendas de 2018 e segundo as pesquisas, as próximas férias já apresentam um volume de negócios superior a 80% em relação ao ano passado. Isso demonstra que as pessoas estão se programando com maior antecedência e que os dispositivos eletrônicos facilitam as pesquisas e o fechamento de negócios.

 

FRAGMENTOS
- Uma liminar concedida ao Mercado Livre garantiu que o reajuste nos contratos dos Correios, que vai aumentar o custo dos fretes, não valerá para as encomendas do site de vendas eletrônicas. Os Correios vão tentar derrubar a liminar judicial, mas por enquanto, os novos preços não valem para o Mercado Livre.
- A PepsiCO anunciou que está recolhendo todos os lotes do produto Cookie Choco Toddy com a inscrição “grátis 20g”. A decisão de promover o recall é porque o produto não traz a informação de que “contém glúten”. Essa falha pode ser prejudicial aos consumidores celíacos e intolerantes a glúten.

 

- O medicamento Sutent, de 50 mg, em embalagens de 28 cápsulas, foi suspenso pela ANVISA. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária determinou a apreensão de alguns lotes desse produto, por apresentar defeitos. O medicamento é indicado para combater tumores gastrintestinais e é produzido pela Pfizer.

Gostou? Compartilhe