Frutas cítricas ficam mais doces com a chegada do frio

Diferença de temperatura entre o dia e a noite e período de maturação deixam frutos mais doces e coloridos

Por
· 2 min de leitura
Laranja e bergamota estão em fase de maturação e consequente oferecimento de frutos mais docesLaranja e bergamota estão em fase de maturação e consequente oferecimento de frutos mais doces
Laranja e bergamota estão em fase de maturação e consequente oferecimento de frutos mais doces

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Há no conhecimento popular a ideia de que enquanto não ocorrerem geadas as frutas cítricas, especialmente as laranjas e bergamotas, não ficarão doces. Embora não seja completamente correta, ela tem um fundo científico de verdade. A explicação é do engenheiro agrônomo da Emater Regional de Passo Fundo Ivan Guarienti. Apesar de não haver um único fator a determinar as características do fruto, a diferença de temperatura entre o dia e à noite contribuem sim para a produção de frutos mais doces.

Guarienti esclarece que nessa época do ano são poucas as variedades de frutos ainda disponíveis, os principais são caquis, em alguns lugares, laranjas e bergamotas. Para explicar quais os fatores que deixam uma fruta mais doce ele cita dois fenômenos naturais das plantas. “A diferença de temperatura entre o dia e a noite faz com que as plantas armazenem mais açúcar e consequentemente a fruta fique mais doce. Isso é um fato, e inclusive as laranjas e bergamotas do Rio Grande do Sul são mais doces e tem colorido maior do que as de São Paulo, por exemplo”, compara. Segundo ele essas características tornam a região sul do Brasil mais propícias a produção de cítricos de mesa.

O segundo fator a determinar a doçura de uma fruta é a época de maturação. “Temos laranja e bergamota que tem estão em época de maturação e ficarão doces agora. Agora a laranja valência, por exemplo, vai maturar em setembro ou outubro então nessa época você não encontrará essa variedade doce”, salienta. Essa coincidência entre o período mais frio do ano e a época de maturação das plantas é que fez com que a ideia popular de disseminasse.

Curiosidades
No caso do caqui a temperatura não tem tanta influência na doçura. No pêssego, por exemplo, algumas variedades mais precoces não apresentam frutos tão doces quanto os produzidos em períodos mais quentes. “Há variedades que amadurecem antes, ainda em períodos mais frios, e os frutos ficam sem gosto. E quando começa a aquecer e ter os dias quentes ele armazena açúcar e faz com que o pêssego fique mais doce”, diferencia.

Região
A região já colheu todas as frutas de verão e agora os pomares estão em fase de dormência na qual não há ocorrência de doenças. No caso de laranjas e bergamotas Guariente esclarece que é preciso esperar até a próxima semana para cerificar se a ocorrência de geadas causou danos. “Esses danos são notados até uma semana depois, no caso das frutas. Tem regiões que não formou geada e outras que foi muito forte, mas isso só na próxima semana poderá ser confirmado”, finaliza.

Gostou? Compartilhe