Aulas Presenciais: Maioria dos prefeitos é contrária ao retorno e decisão é adiada

O assunto será debatido novamente na próxima semana

Por
· 1 min de leitura
A região de Passo Fundo foi autorizada pelo Estado a retomar as aulas presenciais nesta semana. (Foto: Michel Sanderi)A região de Passo Fundo foi autorizada pelo Estado a retomar as aulas presenciais nesta semana. (Foto: Michel Sanderi)
A região de Passo Fundo foi autorizada pelo Estado a retomar as aulas presenciais nesta semana. (Foto: Michel Sanderi)
Você prefere ouvir essa matéria?

Os prefeitos que compõem a região de Passo Fundo, ligados à Associação dos Municípios do Planalto Médio (Ampla), decidiram que irão aguardar o anúncio das bandeiras pelo Estado nesta sexta-feira (2) para decidir sobre o retorno às aulas presenciais. A reunião foi realizada de forma on-line nesta terça-feira (29). O assunto será debatido novamente pela AMPLA na próxima semana.

A maioria dos prefeitos se mostra contrária ao retorno neste momento, de acordo com nota da Prefeitura de Passo Fundo. Na reunião, foi destacada necessidade de segurança para o retorno de crianças e professores. Os gestores ainda ressaltaram que a retomada envolve uma série de questões como merenda escolar e transporte dos alunos.

Em Passo Fundo, também foi realizada uma reunião do Comitê de Orientação Emergencial (COE) sobre o assunto. "Por enquanto, sem novidades", declarou o prefeito Luciano Azevedo após a reunião, relizada durante a manhã.


Cronograma Estadual

O cronograma estadual permitiu as aulas da Educação Infantil em 8 de setembro. No dia 21, ficou permitida a retomada de atividades presenciais no Ensino Superior, Ensino Médio e Ensino Técnico. Essa liberação não engloba a rede estadual de ensino, cuja previsão de retorno é 13 de outubro. A região de Passo Fundo foi autorizada a retomar as aulas presenciais nesta semana.


Gostou? Compartilhe