Lançado programa Acelera Passo Fundo

Iniciativa é um pacote de ações que estimulam o desenvolvimento econômico

Por
· 1 min de leitura
Foto: Diogo ZanattaFoto: Diogo Zanatta
Foto: Diogo Zanatta
Você prefere ouvir essa matéria?

Nesta quarta-feira (6), o prefeito de Passo Fundo, Pedro Almeida, fez o lançamento do programa Acelera Passo Fundo. A iniciativa envolve um pacote de medidas que serão tomadas nos próximos três meses para fomentar o desenvolvimento econômico na cidade.

Entre os objetivos, está o incentivo ao empreendedorismo e à geração de emprego e renda, como explica o prefeito. “A Prefeitura tem que ser o facilitador dos novos negócios. O Acelera Passo Fundo é uma ação imediata, que vai agilizar os processos, permitindo maior celeridade nas liberações e nos licenciamentos. Nós precisamos garantir que quem quer empreender em nosso município possa fazer isso rapidamente”, considera.

A implementação das ações destravará processos burocráticos que impedem a agilidade de inúmeras atividades e dificultam a abertura de novos negócios. “Nós temos vários empreendimentos, principalmente, em áreas como o da construção civil, que querem iniciar as obras e, assim, gerar emprego e renda, mas acabam encontrando dificuldades burocráticas. Precisamos despertar a economia, garantindo que os passo-fundenses possam ter trabalho e melhores condições de vida”, afirma Pedro.

No pacote de medidas, o secretário de Desenvolvimento Econômico destaca a criação de um escritório para analisar projetos especiais, como a abertura de distritos industriais e de centros de distribuição no município. “Esse será um esforço de várias secretarias para que os projetos tenham agilidade”, comenta.

O programa foi apresentado durante coletiva de imprensa. Estiveram presentes, além do prefeito e do secretário de Desenvolvimento, o vice-prefeito de Passo Fundo, João Pedro Nunes, e demais secretários envolvidos com as ações.


Pacote de ações

As medidas previstas no programa Acelera Passo Fundo são:

- Organização de um mutirão para a liberação de obras a partir de fevereiro;

- Criação de uma força-tarefa para facilitar processos pró-empreendedorismo, aprimorando a legislação municipal;

- Elaboração de um Plano de Desenvolvimento Rural com ações de curto, médio e longo prazo;

- Implementação do processo de alvará online para micro e pequenos empreendedores;

- Criação de um escritório para projetos especiais para agilizar os processos.

- Implementação do programa Acelera ITBI para agilizar as Guias dos Imóveis sem débito ou divergências nos dados cadastrais;

- Criação de um programa de acesso ao microcrédito;

- Execução do programa Amplifica II: edição 2021, que, em parceria com a Imed, tem o objetivo de conectar empresas e profissionais especializados da área de gestão;

- Ampliação da captação de recursos.


Gostou? Compartilhe