Vacinação contra a meningite é disponibilizada na rede pública municipal

Crianças de 11 e 12 anos devem ser imunizadas contra a doença

Por
· 1 min de leitura
Foto: Valter Campanato/Agência Brasil/ArquivoFoto: Valter Campanato/Agência Brasil/Arquivo
Foto: Valter Campanato/Agência Brasil/Arquivo
Você prefere ouvir essa matéria?

A vacina ACWY, que previne contra quatro sorotipos de meningite, foi incorporada ao Calendário Nacional de Vacinação e passou a ser fornecida pela rede pública no ano passado. A Secretaria Municipal de Saúde de Passo Fundo afirmou, nesta segunda-feira (26), que crianças de 11 e 12 anos podem receber o imunizante nas unidades de saúde municipais.

A coordenadora de Vigilância em Saúde, Marisa Zanatta, destacou que as unidades têm registrado uma baixa procura, uma vez que muitas pessoas não sabem que ela é gratuita. “A inserção da vacina no Sistema Único de Saúde (SUS) é uma medida considerada recente. Antes disso, ela era somente aplicada na rede particular, com um alto custo”, considera.

Ainda conforme Marisa, meninos e meninas devem receber a vacina mesmo se tiverem tomado a que protege contra a meningite C. “No país, a predominância é da meningite C. Por isso, a vacina faz parte do calendário nacional desde 2010 para crianças. Mas, devido a um aumento nos casos do sorotipo W, o Ministério da Saúde disponibilizou a vacina quadrivalente”, considera.

Locais de vacinação

- Ambulatório de Especialidades, Ambulatório São José e Ambulatório São Luiz Gonzaga;

- ESF Nenê Graeff, ESF Zachia, ESF Donária/Santa Marta, ESF Adolfo Groth, ESF Adriana Lírio, ESF Caic Edu Azambuja, ESF Ivo Ferreira, ESF Jardim América, ESF Mattos, ESF Planaltina, ESF São Cristóvão, ESF Valinhos, ESF Vila Ricci, ESF Jaboticabal;

- Cais Hípica e Cais Vila Luíza;

- UBS Vila Nova/Santa Maria, UBS Parque Farroupilha, UBS Adirbal Corralo e UBS Jerônimo Coelho;

- Central de Vacinas.

O horário de funcionamento dos Cais e Central de Vacinas é das 8h às 18h, sem fechar ao meio-dia. Já as ESF, UBS e Ambulatório de Especialidades funcionam das 8h às 11h30 e das 13h às 16h30.

O que é a meningite

A meningite meningogócica é transmitida por um grupo de bactérias chamadas meningococos e provoca inflamação na meninge, membrana que envolve o cérebro e a medula espinhal. A transmissão se dá por meio das vias respiratórias, ou seja, pelo ar. A doença atinge mais comumente crianças e adultos jovens.

No início da meningite, os sintomas se assemelham aos da gripe. Mas, com a evolução do quadro, os pacientes podem manifestar rigidez no pescoço, febre, aversão à luz, desorientação, dores de cabeça e vômitos. Outros aspectos são considerados como fadiga, calafrios, dores musculares e articulares, dor no peito ou abdominal, falta de ar, diarreia, manchas vermelhas pelo corpo, hemorragias e deficiência circulatória. A meningite pode deixar sequelas neurológicas, auditivas, dores crônicas, entre outras.



Gostou? Compartilhe