SMAM já recebeu cerca de 400 denúncias de maus-tratos de animais em 2021

Na semana passada, fiscalização flagrou 50 cães em canil irregular

Por
· 2 min de leitura
Resgate gerou interesse da população pela adoção dos animais (Foto: Michel Sanderi/Divulgação PMPF)Resgate gerou interesse da população pela adoção dos animais (Foto: Michel Sanderi/Divulgação PMPF)
Resgate gerou interesse da população pela adoção dos animais (Foto: Michel Sanderi/Divulgação PMPF)
Você prefere ouvir essa matéria?

O resgate de cerca de 50 cães em um canil irregular, na quinta-feira (12), chamou a atenção para a proteção e adoção de animais no município. Ao longo do ano, a Secretaria Municipal do Meio Ambiente (SMAM) já recebeu cerca de 400 denúncias relatando possíveis situações de maus-tratos, que são verificadas pelo setor de fiscalização e pela coordenadoria do bem estar animal , conforme a SMAM.

Os animais que estavam nesse canil irregular do bairro Petrópolis viviam em condição insalubre, em locais sem condições de higiene e sem abrigos adequados para o frio. A ocorrência foi apresentada na Delegacia de Polícia para o Registro.

Os cães foram encaminhados para clínicas veterinárias e, conforme as condições apresentadas, serão castrados para que seja encerrado o ciclo de procriação. Os que estiverem aptos serão entregues a fiéis depositários mediante assinatura de termo de guarda provisória. “Após a conclusão do processo administrativo, bem como decisão judicial sobre o caso, poderemos avaliar a viabilidade de adoção dos animais”, explica a secretária de Meio Ambiente, Gabriela Engers.

Adoção

Após a divulgação do caso, muitas pessoas demonstraram interesse em adotar os animais. A SMAM relatou ter recebido inúmeras ligações telefônicas com pedidos de adoção desses animais. Conforme a Brigada Militar, os cães são de raças pequenas, como yorkshire, shih tzu, buldogue francês, pequenez e "lulu-da-pomerânia". 

No entanto, centenas de cães e gatos estão à disposição para adoção por meio da ONG que possui contrato com o Município e por protetoras independentes. A maior dificuldade para realizar a doação é justamente encontrar pessoas interessadas em adotá-los, conforme a secretária. “Nós temos muitos animais para adoção responsável, que estão à espera de um lar. Quem estiver interessado em adotar pode entrar em contato com a SMAM, que estaremos passando informações e apresentando animais de acordo com o perfil procurado”, pontua Gabriela.

Campanha

“O que diferencia um cãozinho de raça de um sem raça definida?” Essa pergunta faz parte de uma nova campanha para incentivar a adoção. Animais de diferentes idades e tamanhos estão sendo apresentados nas redes sociais da Prefeitura e da Câmara de Vereadores.

“A ideia é ampliar a visibilidade e as chances de eles encontrarem uma família”, explica a secretária. Os animais serão divulgados semanalmente e a ação já resultou em adotantes interessados. “As pessoas que estão responsáveis por esses animais, estão em diálogo com os adotantes interessados para falar sobre o animal e apresentar um ao outro”, relata Gabriela.


Denúncias de maus-tratos e mais informações sobre a adoção de animais podem ser realizadas pelos telefones: (54) 3312-9201 e (54) 3317-2529.

Notícia atualizada em 17/08 às 15h22

Gostou? Compartilhe