Servidores municipais rejeitam mais uma proposta e greve inicia na segunda-feira

?EURoeEstou decepcionado com esta oferta", afirmou o presidente do Sindicato

Escrito por
,
em

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Na tarde desta quinta-feira (22) foi reaberta a Assembleia Geral Extraordinária que está deliberando a Data-Base 2018 com os servidores municipais de Passo Fundo. Pouco antes do encontro que aconteceu no CTG Lalau Miranda, o governo municipal chamou o SIMPASSO e demais entidades que participam da negociação para apresentar uma nova proposta de índice de reajuste, que agora é de 2,33%, pouco acima dos 2,10% sugeridos na reunião passada.

 

Na ocasião o presidente do Sindicato, Éverson da Luz Lopes, se manifestou: “estou decepcionado com esta oferta, como servidores que trabalham pelo município esperávamos um respeito maior e um índice maior para ser levado à votação pelos servidores”.

 

Mesmo considerada uma proposta irrisória, o índice foi levado à votação na Assembleia e como se esperava, rejeitado pela grande maioria dos servidores. Os servidores também deliberaram que não apresentarão contra-proposta ao executivo, mantendo o índice de reajuste solicitado no começo da Data-Base de 6,81%, baseado no percentual de atualização do Piso Nacional do Magistério.

Gostou? Compartilhe