Sensação térmica supera 44 graus no Rio

A maior sensação térmica foi verificada em outro bairro, na região da Barra da Tijuca e do Riocentro, com 44,4 graus.

Por
· 1 min de leitura

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

O calor intenso registrado no Rio de Janeiro com a chegada do verão fez as praias mais famosas da cidade ficarem lotadas hoje (27). No primeiro domingo do verão e último de 2015, termômetros de rua na cidade chegaram a registrar mais de 30 graus ainda pela manhã e, por volta de meio-dia, em alguns pontos da cidade, a temperatura chegou perto dos 40 graus.

Segundo o Alerta Rio, serviço de meteorologia da prefeitura, a temperatura máxima na cidade foi registrada em Guaratiba, com 40 graus Celsius às 13h15. Entretanto, a maior sensação térmica foi verificada em outro bairro, na região da Barra da Tijuca e do Riocentro, com 44,4 graus.

Apesar da movimentação intensa ao longo do dia na Ponte Rio-Niterói, com a saída principalmente em direção à Região dos Lagos, as praias de Copacabana, Leme, Ipanema e Leblon, na zona sul da cidade, ficaram cheias de banhistas, pessoas que buscam as ciclovias e pistas fechadas para o lazer e os praticantes de stand-up paddle, que já se tornaram parte da paisagem da cidade.

Se já é comum ver cariocas reclamando do calor nas redes sociais, a turista amazonense Luciana Lopes, de 40 anos, acha que está pouco. "Está bem melhor aqui, porque não está tão úmido e está ventilado. Lá no Amazonas é muito úmido", compara ela. 

Agência Brasil

Gostou? Compartilhe