Turquia abate avião militar sírio

Forças militares e os rebeldes disputam o controle de um posto estratégico situado na província de Lattaqia

Por
· 1 min de leitura

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Um avião militar sírio foi abatido hoje (23) pelas defesas antiaéreas da Turquia. De acordo com o Observatório Sírio dos Direitos Humanos, a aeronave estava bombardeando uma região tomada por rebeldes que tentavam tomar um posto fronteiriço estratégico no Noroeste do país.

A fronteira entre a Síria e a Turquia tem sido alvo de consecutivos combates. As forças militares e os rebeldes disputam o controle de um posto estratégico situado na província de Lattaqia. O diretor do Observatório, Rami Abdel Rahman, afirmou que combatentes da frente Al Nosra, filiada a Al Qaeda, e de outros grupos atacaram o posto fronteiriço e expulsaram as forças do regime e as milícias de defesa nacional.

Os combates iniciados na sexta-feira (21) estenderam-se por todo o sábado em outras áreas da província, inclusive em locais controlados pelo regime sírio. Pelo menos 20 combatentes rebeldes morreram nos últimos dias vítimas dos ataques aéreos. Números do Observatório apontam que, no total, incluindo a força síria, o número de mortos nos combates chega a 80.

Os ataques à província, que estava sendo poupada até o final da semana passada, foram anunciados na terça-feira (18) pelos três grupos rebeldes islamitas - a Frente Al Nosra, o Sham Al Islam e Ansar Al Sham.

Da Agência Lusa

Gostou? Compartilhe