UPF manterá as aulas em modelo híbrido até o final do ano

A decisão vale para a graduação e pós-graduação, o Integrado UPF aguarda a deliberação do COE Municipal para definir o retorno gradual

Por
· 1 min de leitura
 (Foto: Divulgação) (Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

A Universidade de Passo Fundo (UPF) comunicou nesta tarde (07) a decisão de manter as atividades acadêmicas de graduação e pós-graduação no modelo híbrido até o final de 2020. A decisão está de acordo com as definições do Centro de Operação e Emergência em Saúde para a Educação (COE) da Fundação Universidade de Passo Fundo (FUPF), de acordo com a nota divulgada pela instituição.

Dessa forma, as disciplinas teóricas seguem na modalidade do ensino remoto emergencial, com interação on-line síncrona e assíncrona por meio de ambiente virtual de aprendizagem. As atividades práticas, consideradas essenciais à formação, têm a realização presencial organizada de acordo com o plano de atividades elaborado por cada curso e em execução, conforme normas já definidas.

O comunicado ressalta que a UPF "busca atender às demandas da comunidade acadêmica, em permanente observância aos protocolos de saúde, para manutenção de um ambiente seguro e adequado à realização das atividades neste período em que a crise pandêmica e sanitária ainda requer cuidados e atenção".

As aulas da UPF Idiomas também seguem de forma remota. Em relação ao Centro de Ensino Médio Integrado UPF, a instituição informa que aguarda deliberação do COE Municipal para definir o retorno gradual às atividades. 

Gostou? Compartilhe