Nigéria é o sétimo país confirmado

Grupo de Danças Ayanjo, da Nigéria, integra a programação do XIV Festival Internacional de Folclore de Passo Fundo

Escrito por
,
em
Festival começa no dia 17 de agosto e encerra no dia 25

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Pela primeira vez, o público do Festival Internacional de Folclore de Passo Fundo terá a oportunidade de conhecer um pouco mais da cultura nigeriana. Na décima quarta edição do evento, o Grupo de Danças Ayanjo, que vem da cidade de Lagos, promete apresentar um rico espetáculo inédito sobre o folclore da Nigéria. O evento acontece entre os dias 17 e 25 de agosto deste ano e já tem, em sua programação, sete grupos estrangeiros confirmados - há ainda outros em negociação e que devem ser divulgados em breve, além de diversos grupos brasileiros.


Grupo de Danças Ayanjo
O Ayanjo se define como uma plataforma profissional de arte criativa, que se dedica à transformação da arte das raízes locais para conhecimento e apreciação do grande público. No grupo, são usadas pesquisas e performances artísticas sobre a rica herança cultural da região de Lagos como uma medida para educar, esclarecer, informar e comunicar à sociedade em geral, além de ser destas ações de onde o grupo tira a maior fonte de inspiração para as apresentações realizadas ao público local e internacional. Os integrantes se dizem apaixonados e comprometidos em fazer uso de seus instrumentos e ferramentas tradicionais para promover e mostrar o rico património cultural da sua nação para o resto do mundo.
Na Nigéria, o grupo oferece também programas e oficinas de treinamento para ampla variedade de pessoas interessadas, grupos, organizações sociais e corporativas em todo o mundo. Graças a todos estes trabalhos, Ayanjo tem sido um ponto de referência em dança, música e outros gêneros de execução e arte popular, a partir do suporte do Ministério Federal da Informação e Cultura, Conselho Nacional de Artes e Cultura, Corporação de Dança da Nigéria, Organização Internacional de Arte Popular e incorporado sob a Constituição da Nigéria com a Comissão de Assuntos Corporativos em julho de 2012.

Gostou? Compartilhe