Vencedores do Funcultura recebem premiação da Prefeitura

Representando os vencedores do Prêmio, o ator Edimar Rezende destacou o significado do investimento na cultura

Escrito por
,
em

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Destinado aos artistas de todas as áreas, o Prêmio Funcultura chega a sua terceira edição contemplando oito novas iniciativas e valorizando a cultura produzida no município. A Prefeitura de Passo Fundo, através da Secretaria de Cultura, entregou nessa quinta-feira (12), no Teatro Municipal Múcio de Castro, o valor de R$ 10 mil para cada projeto, totalizando R$ 80 mil para a realização das ações propostas.

Representando os vencedores do Prêmio, o ator Edimar Rezende destacou o significado do investimento na cultura. “Esses dias o prefeito Luciano, em um de seus discursos, disse que vivemos um importante e delicado momento político em nosso país, e que neste cenário, independente da ideologia, apenas a cultura e a educação podem mudar nossa realidade. Ver esse Prêmio se concretizando dias depois é um grande incentivo para os artistas locais. Agradecemos muito e vamos usar esse recursos com responsabilidade e da melhor forma possível”, disse. 

O prefeito de Passo Fundo, Luciano Azevedo, falou sobre a iniciativa. “Vivemos em um tempo de individualismo extremo, em que as pessoas, às vezes, não percebem que vivemos em uma comunidade. Duas coisas representam bem esse espírito: as praças, ponto de encontro entre as pessoas, motivo pelo qual fizemos o maior programa de revitalização de espaços públicos já feito na cidade; e a cultura, que constrói uma nova realidade e agrega. Todas as prefeituras vivem tempos de crise, mas nós escolhemos investir na cultura. Apenas a cultura e a educação vão mudar nosso país”, ressaltou. 

O incentivo financeiro é transparente e democrático, e ocorre pela publicação de editais públicos anuais que possibilitam a realização de projetos culturais de interesse público e de forte impacto social em áreas como literatura, música, cinema, artes cênicas, artes plásticas e todas as demais manifestações culturais. Para a presidente do Conselho Municipal de Cultura, Raquel Rubert Pereira, o modelo de concorrência do prêmio busca a valorização da cultura local, “principalmente porque a cultura faz toda a diferença para um povo”. 

Os critérios para a seleção dos vencedores foram: excelência artística do projeto; qualificação dos profissionais envolvidos; estratégia de comunicação, divulgação e formação de público; viabilidade prática do projeto; planejamento e cronograma de execução do projeto; conformidade com os objetivos do edital; e relevância cultural.

De acordo com o secretário de Cultura, Pedro Almeida, o Funcultura é uma conquista imensa para Passo Fundo. “É um privilégio estar vivendo um momento em que estamos fazendo um pouco pela cultura, principalmente em um governo que tanto já fez pela cidade. Que venha o 4º Funcultura”, disse.  

Na cerimônia de premiação também ocorreu a entrega dos DVDs do documentário Projeto Momento Patrimônio Humano – Especial 160 anos de Passo Fundo

Os premiados do 3º Prêmio Funcultura
Área 1

Projeto: Passo Fundo – Capital da Literatura
Proponente: Cleide Luciane Plentz

Projeto: Realidade Virtual Auditiva
Proponente: Rafael Frederico de Oliveira Souza

Área 2
Projeto: Identificando Talentos: Caminhos para tornar os sonhos realidade
Proponente: Academia Passo-fundense de Letras
   
Projeto: Passo Fundo: Capital do Rock
Proponente: Rodrigo de Andrade

Área 3
Projeto: Caravana Timbre de Galo 2018
Proponente: Timbre de Galo Produções e Eventos

Projeto: Depois da Chuva nas Escolas
Proponente: Elisabeth Manica
  
Área 4
Projeto: Cultura Digital
Proponente: Adriano Canabarro Teixeira

Projeto: Museu a céu aberto: Turismo, Educação e Cultura no Cemitério Vera Cruz
Proponente: Instituto Histórico de Passo Fundo

A premiação dos selecionados com a entrega de troféus acontecerá no dia 20 de março. Os projetos selecionados deverão ser executados integralmente dentro do prazo de um ano.

Funcultura
O Fundo Municipal de Cultura de Passo Fundo teve o primeiro passo através do projeto de lei de autoria do então vereador Juliano Roso, que foi vice-prefeito de Passo Fundo ao lado do prefeito Luciano Azevedo. Em 2014, Luciano sancionou o projeto do Funcultura, criando a lei nº 4.676.

Gostou? Compartilhe