Veríssimo está de volta

Dia 11, Passo Fundo recebe o Grupo Cerco e a adaptação teatral do clássico Incidente em Antares de ??rico Veríssimo

Por
· 1 min de leitura

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Depois da febre que a adaptação de O Tempo e o Vento trouxe aos cinemas do Brasil, o Grupo Cerco veio a Passo Fundo com a adaptação para teatro. Agora, Érico Veríssimo está de volta. Dessa vez, traz Antares.

11 de dezembro de 1963. Sete pessoas morrem em Antares. Nenhuma delas pode ser enterrada: os coveiros estão em greve. O resultado é sete mortos passeando pelas ruas da cidade, invadindo a intimidade de pessoas com quem conviveram e descobrindo segredos que foram escondidos. Baseado na história que nasceu na mente de Érico Veríssimo, o Grupo Cerco retorna a Passo Fundo com a adaptação de Incidente em Antares, último romance do autor, publicado em 1971.

A história é contextualizada na pré-ditadura militar do Brasil, retratada numa cidade fictícia do interior do Rio Grande do Sul chamada Antares. O espetáculo coloca o ano de 1963 como ponto de partida para a história: uma greve geral paralisa a cidade e o caos, pouco a pouco, se instala. Dois dias depois do início da greve, em uma sexta-feira 13, sete pessoas morrem por diferentes causas, mas nenhuma delas pode ser sepultada já que os coveiros também aderiram à greve. Indignados, levantam-se dos caixões e reclamam por seu enterro, invadindo a cidade como zumbis.

Tudo, no romance, é uma fantasia. Além de reviverem para pedir que os enterrem, os mortos discutem com os vivos: em plena praça, a vida social e política de Antares passa a ser o centro do assunto. Pouco a pouco, a hipocrisia da cidade é revelada. O livro de Érico foi inspiração para que o Grupo pudesse misturar realidade e fantasia em um mesmo palco. Depois de estudarem as páginas por dez meses, o espetáculo tomou forma e, no dia 11 de março, sobe aos palcos do Sesc Passo Fundo. Dirigido por Inês Marocco, Incidente em Antares conta com a participação de Anildo Michelotto, Celso Zanini, Martina Fröhlich e Elielto Rocha.

Mais informações e ingressos podem ser obtidos no Sesc Passo Fundo, localizado na Avenida Brasil, 30, Centro, ou pelo telefone (54) 3311.9973.

Gostou? Compartilhe