Arte em movimento

Primeira edição do ?EURoeEstação Arte em Movimento?EUR? reúne, neste fim de semana, atividades culturais gratuitas

Por
· 2 min de leitura
Membros do coletivos Confraria das Artes estão entre os artistas com exposição no eventoMembros do coletivos Confraria das Artes estão entre os artistas com exposição no evento
Membros do coletivos Confraria das Artes estão entre os artistas com exposição no evento

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Nos trilhos da antiga estação férrea da Gare, as cores, os sons e a alegria voltam a tomar conta. Movimento tão diversificado só era presenciado até 1980, quando a estação ainda era ativa e a população aguardava, por ali, o próximo trem. Agora, revitalizado, o prédio da antiga estação, além de patrimônio público e histórico do município, serve como ponto de cultura. Neste encontro de diferentes áreas culturais de Passo Fundo, surge a primeira edição do evento “Estação Arte em Movimento”, que oferece, neste fim de semana, uma grande variedade de programações abertas à comunidade – e totalmente gratuitas.
O “Arte em Movimento” é promovido pelo Conselho Municipal de Políticas Culturais (CMPC), com apoio da Secretaria de Cultura de Passo Fundo, e integra o Plano Municipal de Cultura, firmado em março deste ano. Os dois dias de programação do evento foram planejados pelos agentes representantes dos oito setoriais do CMPC, de modo a agregar atividades culturais que agradam as variadas preferências encontradas na diversidade da comunidade passo-fundense. Mais do que isso, abre espaço para reconhecimento do trabalho de artistas formados no município, que por muito tempo careceram de oportunidades como esta.
Desenhista, Pedro Lopes faz parte, há cinco meses, da Confraria das Artes, um coletivo de artistas visuais de Passo Fundo, que funciona no prédio onde será realizado o “Arte em Movimento”. Ele comemora a realização do evento e o vê como uma iniciativa extremamente importante para artistas do interior do estado. Mais do que expor obras e vende-las, oportuniza a troca de conhecimentos e o reconhecimento do trabalho dos artistas de todos os setores, que por muito tempo careceram de um espaço que os valorizasse. “Vejo e escuto o quanto tem sido positivo a aceitação de nossa comunidade. É inovador, nunca tivemos um local permanente para a mostra da nossa arte. E nesses cinco meses, a demanda tão solicitada em planos e reuniões torna-se real. E é real, também, a valorização e proporção de pessoas atingidas”, expõe.
Confira a programação*:
10 de dezembro – sábado
15h: Abertura oficial com show da Orquestra SEST/SENAT – Projeto Sou Músico
15h30min: Passeio guiado – Viva EMAU, IHPF e Momento Patrimônio
16h: Coro Resonare
16h30min: Contação de histórias – Mundo da Leitura UPF
17h: Duo Dasdez e Banda The Tios
18h: Espetáculo Dançante – Baillar Centro de Danças, Grupo de Danças Folclóricas da UPF e 7ª Região Tradicionalista
19h: Grupo Conta Pra Mim
Atividades paralelas
(durante toda a tarde – das 15h às 19h)
Brinquedos infláveis, livros para manuseio e leitura, troca de livros, contação de histórias, exposição de livros de autores passo-fundenses; venda de artesanatos; exposição de maquetes e Exposição Trilhos do Passado; exposição e vendas de obras de arte; Feira de Saúde – Secretaria de Saúde e FASURGS; exposições de quadros e materiais de artesanato elaborados pelos usuários do CAPS; mateada (erva-mate e a água quente serão disponibilizadas).
11 de dezembro – domingo
9h às 19h: Venda de artesanato, exposição e venda de obras de arte
9h às 14h: Workshop de artesanato
15h: Encontro Dançante – Petipá, Clube da Dança e 7ª Região Tradicionalista
16h: Ricardo Pacheco, Les Chapuis e Grupo Africanos
17h: Sarau Literário com autores passo-fundenses – Academia Passo-Fundense de Letras e Associação de Escritores
18h: Grupo Alforria
19h: Encerramento oficial do evento com um abraço ao prédio da antiga estacão férrea da Gare
Atividades paralelas
(durante toda a tarde – das 15h às 19h)
Pinturas de rosto, oficinas de balão, livros para manuseio e leitura, troca de livros, contação de histórias, exposição de livros de autores passo-fundenses; Feira de Saúde – Secretaria de Saúde e FASURGS; exposições de quadros e materiais de artesanato elaborados pelos usuários do CAPS; exposição de maquetes e Exposição Trilhos do Passado; mateada.
*Em caso de chuva, a programação externa será suspensa. As atividades internas acontecerão independente do tempo.

Gostou? Compartilhe