Sindilojas assume negociação com o Sindicato dos Comerciários

Entre as possibilidades está a negociação individual para criação de acordo entre o Sindicato dos Comerciários e a empresa Havan

Escrito por
,
em
Havan tem dado prioridade à inauguração da primeira loja no Rio Grande do Sul a fim de incentivar a recuperação econômica do Estado

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

O Sindilojas assumirá, a partir de agora, a negociação entre o Sindicato dos Comerciários e a empresa Havan. O anúncio foi feito em entrevista coletiva, na manhã de sexta-feira, que reuniu representantes do sindicato patronal e da empresa, além do prefeito Luciano Azevedo, vereadores e imprensa. A ideia inicial é apresentar ao Sindicato dos Comerciários a possibilidade de um acordo individual que prevê benefícios e contrapartidas. Na oportunidade, Luciano Hang, da Havan, também destacou que a loja já está comprada e, tão logo tenha o alvará e a finalização do acordo com o sindicato, iniciará a construção que poderá estar terminada entre agosto e setembro.


O prefeito Luciano Azevedo destacou que na manhã de sexta-feira a empresa apresentou os últimos documentos para dar sequência a análise e liberação do alvará que permitirá a construção da loja em Passo Fundo. Esta poderá ser a primeira loja da rede, que inaugurou sua 109ª loja na última semana, no Estado. O prefeito enfatizou que a prefeitura está mobilizada para analisar e dar o retorno para a empresa o mais rapidamente possível. Também enfatizou que o Sindilojas será agora o representante legal para a negociação com o Sindicato dos Comerciários.
O empresário Luciano Hang enfatizou que a Havan já comprou a loja e está com muita pressa para inaugurar a primeira loja da rede no Rio Grande do Sul. Segundo ele, a loja em Passo Fundo terá 7,5 mil metros quadrados, área de alimentação e a tradicional estátua da Liberdade. Ainda de acordo com ele, a empresa tem condições de inaugurar a nova loja entre agosto e setembro e tem dado prioridade ao Estado. A empresa tem outros 30 locais já preparados para receber novas lojas. Segundo ele, o foco no Rio Grande do Sul tem o objetivo de incentivar o crescimento do Estado.


A presidente do Sindilojas, Sueli Marini, destacou que o sindicato tem como foco a livre iniciativa e que representará a Havan nesta negociação. Inicialmente a proposta será apresentada de forma individual, mas, posteriormente poderá ser estendida a outras empresas. No entanto não foram apresentadas quais seriam as cláusulas desta proposta devido e a ela não ter sido entregue e apresentada ainda ao Sindicato dos Comerciários. A expectativa é de que essa apresentação possa ser feita ainda na próxima semana.


A negociação não se resume aos dias de abertura da loja em Passo Fundo, mas oferece benefícios, remuneração e contrapartidas que poderão ser superiores ao que é praticado atualmente no município, conforme adiantou o prefeito Luciano Azevedo sem detalhar.

Gostou? Compartilhe