Cesta básica de Passo Fundo registra alta de 2,80% em junho

Em maio foram necessários R$ 942,64 para a aquisição da cesta, ao passo que em junho o custo foi de R$ 969,13

Por
· 1 min de leitura
Foto: Assessoria de Imprensa UPFFoto: Assessoria de Imprensa UPF
Foto: Assessoria de Imprensa UPF
Você prefere ouvir essa matéria?

O valor dos produtos que compõem a cesta básica de uma família típica passo-fundense apresentou alta de 2,80% no mês de junho de 2020, quando comparado com os preços médios praticados em maio deste ano.

Em maio foram necessários R$ 942,64 para a aquisição da cesta, ao passo que em junho o custo foi de R$ 969,13, o que representa uma alta de R$ 26,49 por cesta. Se comparada anualmente, observa-se que a evolução do custo da cesta básica passo-fundense neste período apresentou uma alta de 11,73%, passando de R$867,40 em junho de 2019 para R$969,13 em junho de 2020, ou seja, uma alta de R$101,73, de acordo com a pesquisa realizada pelo Centro de Pesquisa e Extensão da Faculdade de Ciências Econômicas, Administrativas e Contábeis da Universidade de Passo Fundo (Cepeac/UPF). 

Dos produtos pesquisados, nota-se também que aqueles que acumularam maiores altas de preços no mês foram: frango, biscoito e absorvente, com preços majorados em 28,53%, 28,37% e 23,93%, respectivamente. Por outro lado, os produtos com maior queda foram: tomate, batata-inglesa e cenoura, com preços reduzidos em 30,22%, 21,11% e 15,42%, respectivamente.

Gostou? Compartilhe