Grêmio vence e garante vaga na Sulamericana

Próximo adversário Tricolor é o Milionários, que eliminou o Palmeiras.

Por
· 2 min de leitura
Você prefere ouvir essa matéria?

No jogo de apresentação do uniforme ‘Alma Castelhana’, que lembra a camisa da Seleção da Argentina, o Grêmio venceu o Barcelona de Guayaquil, por 2x1 no Olímpico, com gols de Perlaza (contra) e Zé Roberto, de falta. Mina marcou para o Barcelona. O placar deu ao Tricolor a vaga nas quartas de final da Copa Sulamericana, já que na primeira partida, no dia 26 de setembro o time de Luxemburgo venceu por 1x0, em Guayaquil, gol de Werley. Agora o Grêmio pega o Milionários, da Colômbia, que na noite de terça-feira, 23, eliminou o Palmeiras, em Bogotá, pelo placar de 3x0. O time paulista havia vencido a primeira partida, em São Paulo, por 3x1. O primeiro jogo contra o Milionários acontece no dia 30/10, no Olímpico. Já o segundo jogo, será no dia 06/11, em Bogotá.

Jogo ruim
Parecia que o Grêmio ia começar pressionando o Barcelona, já que mais de 20 mil pessoas foram ao Olímpico empurrar o time, mas não foi isso que aconteceu. Aos dois minutos, Kléber recebeu, invadiu a área e foi derrubado. A torcida reclamou pênalti, mas o árbitro nada marcou. O Barcelona chegou com perigo aos cinco minutos e aos sete, o árbitro novamente não marcou falta em Kléber. Aos 13, o Barcelona teve uma boa falta, chutada por cima da meta de Marcelo Grohe. Marco Antônio, na frente do gol, errou em bola e perdeu boa chance de abrir o placar aos 18 minutos. O Grêmio chutou apenas duas vezes a gol no primeiro tempo, ambas com Anderson Pico, aos 29 e aos 42 minutos. Nas duas oportunidades a bola foi por cima. O Grêmio não chegava bem e o Barcelona pouco ameaçava. O jogo era ruim.

Vitória
Na segunda etapa Marcelo Moreno quase marcou logo aos 40 segundos de jogo, mas se atrapalhou. Com um minuto, Kléber recebeu cruzamento e cabeceou nas mãos do goleiro Banguera. O Grêmio atacava mais e procurava se desvencilhar da forte marcação do Barcelona. Kléber arriscou chute da direita aos cinco minutos, mas Banguera mandou para linha de fundo. O Barcelona chegava em lances esporádicos e aos nove minutos, depois de boa triangulação, Mina recebeu dentro da área e mandou para o gol. 1x0.

A partir daí, o Grêmio começou a atacar mais, mas os cruzamentos chegavam sem qualidade a Kléber e Marcelo Moreno. O Tricolor teve boa falta aos 19 minutos, mas Elano chutou na barreira. O empate veio aos 20 minutos. Anderson Pico tentou cruzamento para a área e na tentativa de interceptação, o zagueiro Perlaza marcou contra. O gol deu mais tranquilidade ao Grêmio, mas o Barcelona não deixou de levar perigo à meta de Grohe. O resultado já dava a vaga ao Tricolor e a virada veio aos 45 minutos, numa bela cobrança de falta de Zé Roberto, seu primeiro gol com a camisa do Grêmio no Olímpico. O próximo jogo do Grêmio é contra o Bahia, sábado, às 18h30, no Pituaçu, pelo campeonato brasileiro.

Gostou? Compartilhe