Gaúcho define domingo o seu futuro na Segundona

Equipe precisa de um empate simples para subir à Divisão de Acesso

Por
· 2 min de leitura
Você prefere ouvir essa matéria?

Depois de um jogo muito difícil, em que venceu o Garibaldi por 1x0 no Vermelhão da Serra, o Sport Club Gaúcho vai ao estádio Alcides Santa Rosa no domingo, onde a partir das 16 horas, enfrenta os donos da casa em busca da vaga na final da competição e da tão sonhada vaga na Divisão de Acesso do ano que vem. Na primeira partida, o time do goleiro Souza perdeu algumas chances de ampliar o marcador e ir para a decisão com um pouco mais de tranquilidade, mas mesmo assim, garantiu a vantagem de jogar por um empate simples para se classificar. Na outra chave a decisão será entre Aimoré e Grêmio Esportivo Bagé. No primeiro jogo, em Bagé, placar de 1x0 para o Aimoré, que joga em casa, no estádio Cristo Rei, em São Leopoldo, também às 16 horas, pela vantagem do empate simples para se classificar.

Cuidado
De acordo com o preparador de goleiros, Roberto Chaparini, que auxilia Marco Aurélio e Serjão no comando técnico da equipe, domingo, a partir das 16 horas, o Gaúcho joga os 90 minutos mais importantes dos últimos anos. “Estamos muito orgulhosos do que esses meninos fizeram até agora. É importante dizer também que temos o comando no nosso vestiário e que todos estão cientes da importância desse jogo”. Marco Aurélio deve continuar optando pelo esquema 4-4-2, que vem dando certo nos últimos jogos. O atacante Da Silva confirma que a expectativa para a partida é muito grande e que será preciso tomar muito cuidado com a equipe do Garibaldi. “Temos que marcar muito bem porque é um time perigoso”. O goleiro Souza reforça sobre a importância do jogo. “São mais 90 minutos para que possamos decidir e o importante é que conseguimos a vantagem no primeiro jogo”

Favoritismo
Usar a cabeça e não tomar gol. Esse é o pensamento do treinador Marco Aurélio, que foi expulso em Passo Fundo e não deve ficar no banco contra o Garibaldi. “Nós vamos com muita tranquilidade, até porque o favorito nesse momento é o time do Garibaldi, que conta com um elenco qualificado e que vai tentar se impor porque precisa do resultado”.  O presidente Gilmar Rosso diz que o time está tranquilo e que vai para o jogo para buscar um bom resultado diante do Garibaldi. Mesmo se não conseguir, ele afirma que todos estão de parabéns pela bela campanha do Gaúcho nesse ano. “Se conseguirmos ou não, isso não vai alterar em nada o nosso projeto, que é para o centenário do clube, em 2018. Enquanto não tivermos o nosso estádio, infelizmente não podemos sonhar muito”. Mesmo assim, ele diz que o time está pronto para o jogo e que agora é hora de deixar de lado os fatores extracampo.

Gostou? Compartilhe