Sport Club Gaúcho começa a planejar o ano de 2013

Base deve ser mantida para a disputa da Divisão de Acesso

Por
· 2 min de leitura
Você prefere ouvir essa matéria?

Depois de ficar com o vice-campeonato do Campeonato Gaúcho da Terceira Divisão, a Segundona, o Sport Club Gaúcho já começa a planejar o ano de 2013. Ontem à tarde, o presidente do clube Gilmar Rosso fez uma pequena reunião com os jogadores para falar sobre como será organizado o planejamento para a disputa da Divisão de Acesso no ano que vem e para acertar os salários dos atletas. Na semana passada o clube foi homenageado na câmara de vereadores pela conquista da vaga à Divisão de Acesso. Segundo ele, o planejamento deve começar já nessa semana. “Estamos fazendo o encerramento e a partir de hoje, terça-feira, vamos começar a pensar na montagem da equipe para o ano que vem”. A base de jogadores, segundo ele, deve ser mantida, mas Gilmar não revela quem sai e quem fica. O congresso técnico da Divisão de Acesso deve acontecer no dia 8 de dezembro, a partir das 15 horas, no Hotel Dall’Onder, em Bento Gonçalves.

Estádio
Além dos atletas, Gilmar faz questão de enaltecer o trabalho feito em equipe para que o clube pudesse chegar onde chegou. “Temos que valorizar o Chaparini, o Marco Aurélio, o Serjão, o Zulu, os nossos médicos dr. Piva e o dr. Dárcio e todos os que nos ajudaram. Fizemos um trabalho além do nosso alcance”, diz. Quanto a continuar jogando no Vermelhão da Serra, Gilmar fala que existe um acordo da prefeitura com o Esporte Clube Passo Fundo. “O Gaúcho só joga lá porque a prefeitura arca com um valor ao Passo Fundo. Para mim, não mudaria nada, mas queremos continuar com o trabalho que estávamos fazendo”.

Ele afirma não saber se há tempo hábil para a construção do novo estádio do Gaúcho e que já existe a área para a obra. “Pela palavra do prefeito, temos uma área entre a Efrica e o Teixeirinha para a construção do nosso estádio, mas não sei se teremos tempo para isso”, diz. De acordo com o que foi anunciado pelo presidente da Federação Gaúcha de Futebol, Francisco Noveletto, o campeonato da Divisão de Acesso deve começar no dia 15 de março.

Batalhas
Os dois piores confrontos na fase de mata-mata, aconteceram contra o TAC, de Três Passos, pelas oitavas de final, e contra o Garibaldi, pelas quartas de final. Gilmar diz que os quatros jogos (dois em casa e dois fora). “Nós tivemos quatro ‘Batalhas dos Aflitos’. Foram jogos decididos nos últimos minutos, com jogadores a menos e temos que valorizar essas duas conquistas. Não temos estádio, nem patrimônio e mesmo assim conseguimos subir”. O presidente informa também que a base de jogadores deve ser mantida para o próximo ano. “Devemos segurar entre 12 e 13 jogadores, mas ainda não temos os nomes daqueles que vão ficar. O Adriano (zagueiro) e o Paulo Josué (meia-atacante) devem retornar ao Esportivo, já que estavam emprestados ao Gaúcho.”, conta.

Serjão não sabe se fica
O preparador físico e ex-zagueiro do Gaúcho, Serjão, que se disponibilizou a ajudar a equipe na campanha pelo acesso antes da primeira partida contra o TAC, diz que ainda não sabe se permanece no clube no ano que vem. Ele afirma que tem algumas propostas e que vai avaliar cada uma delas. “Sou professor de Educação Física e tenho outras propostas no meio. Vou conversar com o presidente e vou definir o futuro mais adiante. Acho que ainda é muito cedo para responder a essa pergunta”.

Gostou? Compartilhe