Grêmio vence Fiqueirense

Tricolor fez 4x2 no já rebaixado Figueirense

Por
· 1 min de leitura
Você prefere ouvir essa matéria?

Em jogo válido pela penúltima rodada do Campeonato Brasileiro, o Grêmio venceu o Figueirense por 4x2. Os gols do tricolor foram marcados por Elano, Zé Roberto, Souza e Leandro. Com o resultado, o time gaúcho se mantém na segunda colocação. A definição do vice-campeão será conhecida apenas na última rodada, porque o Atlético-MG virou sobre o Botafogo no Rio de Janeiro e se manteve na briga por uma vaga direta na fase de grupos da Copa Libertadores. No próximo domingo, o Olímpico será palco do clássico GreNal.

O jogo: Foi o Grêmio quem criou a primeira grande chance, aos 21 minutos: no contra-ataque, Zé Roberto dominou com categoria e fez um passe perfeito, por cima da zaga, encontrando Leandro, livre. Ele invadiu com a bola dominada pela direita, mas perdeu a chance na saída do goleiro. Dois minutos depois, Zé Roberto mais uma vez iniciou a jogada que caiu nos pés de Elano, na entrada da área. Ele dominou com categoria, ajeitou o corpo e mandou colocado, por cobertura, no canto esquerdo de Volpi, que não alcançou. No minuto 40, Aloísio sofreu falta ao lado da área, pela esquerda. Léo cobrou em curva, direto, buscando o ângulo esquerdo de Marcelo Grohe, que fez grande defesa no alto, dividindo com o atacante catarinense. O Tricolor respondeu dois minutos chegando ao segundo gol: Elano cobrou escanteio da direita, na pequena área. A zaga afastou parcialmente, pra entrada da área. Zé Roberto veio de trás e soltou a bomba, rasteiro. Tiago Volpi chegou a tocar na bola, mas não evitou que ela passasse. O Grêmio teve tempo de fazer o terceiro antes do jogo ir para o intervalo. Aos 47 minutos, Elano, outra vez, cobrou escanteio da direita. Souza se antecipou à zaga, no primeiro pau, e de cabeça mandou no ângulo esquerdo.

Segundo tempo: Na volta do intervalo, o Grêmio ficou administrando o resultado. Porém, os donos da casa aproveitaram o relaxamento gremista e descontaram. Aloísio marcou duas vezes, na sequência: aos 19 de pênalti e aos 23, pegando rebote de uma cobrança de falta na barreira. Aos 25 minutos, Leandro recebeu cruzamento de Elano. Ele esperou a bola cair e pegou de primeira, no ângulo.

Gostou? Compartilhe