Inter fez 3 a 0 no Pelotas

Por
· 1 min de leitura
Você prefere ouvir essa matéria?

O Internacional goleou o Pelotas por 3 a 0, no estádio do Vale, em Novo Hamburgo, sábado. A vitória colocou o Inter na segunda posição do grupo B. Tendo mais posse de bola que o adversário, o Colorado dominou as ações criando as principais chances de gol. O Pelotas respondia com chutes de fora da área. Forlán escapou pelo lado direito, entortou a marcação e chutou forte para uma grande defesa de Jonatas. O meia Dátolo sentiu uma lesão muscular e teve que ser substituído por Josimar.

Aos 25 minutos o primeiro gol. Willians lançou Fabrício pelo lado esquerdo, que cruzou na medida para Forlán que, de primeira, mandou no canto esquerdo de Jonatas. 1 a 0 Inter!

Após o gol o Internacional ampliou o domínio. Aos 39min, uma bela jogada coletiva. Leandro Damião tocou para Willians, que cruzou para Fred ampliar: Inter 2 a 0!

 

Segundo tempo

 

No segundo tempo o Inter teve o mesmo ímpeto da primeira etapa. Aos 7min, lançamento longo de Fabrício, Forlán recebeu e, de primeira, fez um golaço, com o bico da chuteira, por cobertura, sem chances para Jonatas. Inter 3 a 0!

O Inter manteve o controle do jogo e não deu chances de gol ao adversário. Damião na área e o árbitro marcou pênalti, mas o assistente avisou que o jogador colorado estava impedido.

“Quando você faz uma boa pré-temporada, já conhece os companheiros e está jogando na tua posição fica-se muito mais à vontade”, disse Diego Forlán ao final da partida.

 

Internacional 3 x 0 Pelotas

Internacional: Muriel; Gabriel, Rodrigo Moledo, Ronaldo Alves e Fabrício; Willians (Élton), Fred, Dátolo (Josimar) e D’Alessandro (Juan); Forlán e Leandro Damião. Técnico Dunga.

Pelotas : Jonatas; George Lucas, Wagner Silva, Bruno Salvador e Brida; Igor, Tiago Gaúcho (Filipinho), Tiago Renz e Fabiano Gadelha; Clodoaldo (Gabriel) e Arthuro (Jadílson). Técnico Carlos Moraes.

Gols: Forlán (2) e Fred.

Cartões amarelos: Tiago Gaúcho e Bruno Salvador (P).

Arbitragem: Leandro Vuaden, com Alduíno Mocelin e Antonio Cesar Padilha.

Local: Estádio do Vale, Novo Hamburgo

 

Gostou? Compartilhe