Final do Extreme

Sede Parque Grêmio dos Viajantes do Clube Juvenil recebe o evento neste final de semana

Por
· 2 min de leitura
Será a segunda edição na cidadeSerá a segunda edição na cidade
Será a segunda edição na cidade
Você prefere ouvir essa matéria?

Passo Fundo será sede da grande final do Extreme 4 x 4 neste final de semana. A última etapa acontece no sábado (10), das 14h até às 21h, e no domingo (11), 10h até 17h, na Sede Parque Grêmio dos Viajantes do Clube Juvenil. Para o público, a entrada tem o valor de R$ 10 por dia.

 

Mais de 35 participantes já estão inscritos e a premiação total se aproxima de R$ 40 mil. Entre os competidores, aparecem inscritos de fora do estado do Rio Grande do Sul e até mesmo de outro país, como é o caso do Uruguai. Muitos não estão concorrendo ao título do campeonato, mas mesmo assim fazem questão de estar presentes na cidade para prestigiar o evento. A presença é uma forma de reconhecimento aos passo-fundenses que sempre estão participando das competições de 4 x 4 em outros municípios.


Para vencer a prova é preciso superar os vários obstáculos encontrados na pista (fossas, valetas, curvas inclinadas, troncos, tubos de concreto) no menor tempo. Visando um melhor desempenho, vários competidores investem bastante dinheiro no seu 4 x 4. “Tem competidor que gastou mais de R$ 420 mil”, conta um dos organizadores do evento, Ricardo Franzen.


Competição local
Será a segunda vez que a cidade recebe uma etapa do evento, que é um dos maiores da modalidade no país. Isso se deve a uma fusão feita por cinco Jipe Clubes da região. Membros do Pampa Jipe Clube (Passo Fundo), Cruzeta (Veranópolis), Maragatos (Nova Prata), Serafina (Serafina Corrêa) e Renegados Off Road (Vila Flores) estavam acostumados a ir até Brusque para participar do campeonato. Devido ao alto custo de deslocamento para a cidade catarinense, se uniram e conseguiram trazer o evento para o Rio Grande do Sul. Neste ano, já foram realizadas etapas em Veranópolis, Vila Flores, Nova Bassano, Serrafina Corrêa, Nova Prata e agora se encerra em Passo Fundo.


Pampa Jipe Clube
O clube passo-fundense foi fundado há 20 anos e ainda se mantém ativo. Hoje, são aproximadamente 70 sócios envolvidos, mas as trilhas que eram realizadas antigamente ficaram um pouco de lado. “Por causa de lavouras e questões ambientais, o cara dá uma estragadinha, abre uma valeta”, relata Ricardo. Sem fazer as tradicionais trilhas, os membros realizam alguns eventos de caridade. Sempre que os usuários da Apae entram na colônia de férias, um dia é reservado para passearem de 4 x 4.


Todo membro que passa a fazer parte do clube é também cadastrado na Defesa Civil. Isso, porque quando acontece algum problema em que o Corpo de Bombeiros não consegue acessar o local com seu veículo, os membros são chamados para ajudar. “Esse ano até que não deu, mas ano passado, nas enchentes no Zachia e Vila Maria, ajudamos. A própria defesa manda um alerta para a gente ligar o rádio e ficar em alerta”, finaliza Ricardo.

Gostou? Compartilhe