Caxias vence o Ypiranga e decide com o Grêmio

Primeiro turno será decidido no próximo fim de semana no estádio Centenário

Por
· 1 min de leitura
Você prefere ouvir essa matéria?

Na tarde deste domingo, no Estádio Centenário, Caxias e Ypiranga se enfrentaram pela semifinal da Taça Cel. Ewaldo Poeta, pelo Gauchão 2020. Com gol do centroavante Da Silva nos acréscimos, a equipe grená venceu por 1 a 0 e conquistou a classificação à final. O Caxias recebe o Grêmio  no proximo fim de semana para decitir o primeiro turno do Gaúchão. 

 O JOGO

                A primeira etapa foi de domínio e posse de bola do Caxias. Aos nove minutos, Ivan cobrou falta direto para o gol, obrigando o goleiro Deivity a colocar a bola para escanteio. O Ypiranga respondeu no lance seguinte com Neto Pessoa, que tentou finalizar após cruzamento da esquerda. O goleiro Marcelo Pitol fez boa defesa. Aos 24 minutos, Ivan colocou a bola na área e o zagueiro Laércio chegou para cabecear. A bola foi por cima do gol. Aos 40 minutos, Leílson tentou o arremate de fora da área, mas a bola foi a direita do gol grená.

            Na segunda etapa, a partida foi marcada pelo equilíbrio. Com menos de um minuto, o meia Carlos Alberto arriscou de fora da área e quase anotou um golaço. Aos 11 minutos, o Ypiranga chegou a abrir o placar, mas o árbitro assinalou impedimento. Aos 16 minutos, Gilmar, de frente para o goleiro adversário, teve a chance, e tentou por cobertura. A bola parou na rede, mas pelo lado de fora. Aos 40 minutos, Pitol fez grande defsea. Jean Silva recebeu pela ponta direita e chutou cruzado para grande defesa do goleiro grená. E aos 46 minutos, em cobrança de escanteio, Ivan colocou a bola na cabeça do centroavante Da Silva, que cabeceou para o chão, abrindo o placar e decretando a classificação grená.

            Com a vitória, o Caxias está classificado à final da Taça Cel. Ewaldo Poeta, do Gauchão 2020. No próximo final de semana, a decisão será no Centenário, diante do Grêmio, em jogo único para consagrar o campeão do 1º turno da competição estadual.

Gostou? Compartilhe