Grêmio classificado para as quartas de final da Copa do Brasil

No placar agregado, Tricolor venceu o Goiás por 5 a 1

Escrito por
,
em
Alisson marcou dois gols e deu uma assistência

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

A noite desta quarta-feira (09) foi para o Grêmio carimbar a vaga nas quartas de final da Copa do Brasil. O time entrou em campo para enfrentar o Goiás, no segundo jogo das oitavas da competição. Com a vantagem que construiu no Serra Dourada no último dia 25 de abril, quando venceu por 2 a 0, o técnico Renato Portaluppi optou por escalar um time alternativo, que hoje venceu por 3 a 1.

 

Os minutos iniciais da partida foram equilibrados. Aos 14', Alisson recebeu um lançamento na medida de Cícero, fez o domínio e chutou cruzado, mandando para o fundo das redes.

 

Já o segundo tempo foi um pouco mais complicado para o Tricolor. O Goiás começou a se impor e chegou ao empate aos 6 minutos, com Maranhão. O técnico Renato promoveu suas substituições. Saíram Maicosuel, Lima e Thonny Anderson, para entrar Pepê, Thaciano e Vico.

 

Aos 30', o Grêmio conseguiu voltar a frente no marcador. Alisson deu um ótimo passe para Thaciano, que recebeu e chutou no canto direito de Marcelo Rangel, marcando o seu primeiro gol com a camisa gremista. Já aos 45', o terceiro gol. Cícero fez um bom lançamento na área e Alisson mandou para o fundo das redes, assinando o terceiro gol.

 

Com o resultado, no placar agregado, o Grêmio alcança a classificação, vencendo o time goiano por 5 a 1, e aguarda o sorteio da próxima fase da competição.

 

Grêmio 3 x 1 Goiás – Copa do Brasil

Grêmio: Paulo Victor; Madson, Bressan, Michel e Marcelo Oliveira; Cícero e Jailson; Alisson, Lima (Thaciano) e Maicosuel (Pepê); Thonny Anderson (Vico). Técnico: Renato Portaluppi.

Goiás: Marcelo Rangel; André Krobel, Edcarlos (Eduardo Brock), David Duarte e Jefferson; Gilberto e Samuel (Michael); Carlos Eduardo, Tiago Luís (Rafinha) e Maranhão; Jacó. Técnico: Augusto César.

Gostou? Compartilhe