Sorrisos do novo titular

Substituto de Elano, Daniel Alves esbanja alegria. Felipe Melo treina bem e deve enfrentar a Holanda

Por
· 1 min de leitura

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Tristeza de um, alegria de outros. No mesmo dia em que Elano praticamente deu adeus à Copa do Mundo por conta da lesão no tornozelo direito, Daniel Alves, herdeiro da vaga, exibiu sorrisos no treino, e Felipe Melo, que era dúvida para o jogo de amanhã contra a Holanda por conta de dores no tornozelo esquerdo, treinou com desenvoltura, deu arrancadas, movimentou-se bem e entrou firme nas divididas, assim como Júlio Baptista, que estava com um problema no joelho. Os dois deverão ficar à disposição de Dunga.

Hoje, será o Dia D para o técnico brasileiro saber se poderá aproveitar Felipe Melo e Júlio Baptista na partida de amanhã, pois o médico José Luiz Runco fará uma reavaliação para saber como os dois reagiram à movimentação.

Depois de desfalcarem o time contra o Chile, Felipe Melo — que foi atingido por Pepe na partida contra Portugal — e Júlio Baptista fizeram tratamento intensivo e musculação para não perder o condicionamento físico.

Durante o treino, Felipe Melo começou o trabalho ainda um pouco receoso. No aquecimento com bola, ele evitou utilizar a perna esquerda. Mas, aos poucos, soltou-se e não aparentou estar sentindo dores. Foi a senha para ele abrir sorrisos e abraçar Júlio Baptista, que também teve boa movimentação.

Os titulares que enfrentaram o Chile participaram da roda de bobo e apenas correram em volta do gramado por cerca de 20 minutos. Daniel Alves, considerado o curinga de Dunga, demonstrava bom humor e sorrisos. Depois, eles retornaram para o hotel antes do restante do grupo, com exceção do goleiro Julio Cesar, que trabalhou normalmente.

Depois do treino de ontem, a delegação brasileira viajou para a cidade de Port Elizabeth, em voo que durou pouco menos de duas horas. Como tem acontecido durante a Copa para poupar os gramados, a Fifa não deverá liberar a Seleção para fazer hoje o reconhecimento no Estádio Nelson Mandela Bay.

O hotel em que a Seleção ficará hospedada em Porto Elizabeth se localiza na avenida principal da cidade, à beira-mar, a apenas 200 metros de um cassino e de um parque de diversões, além de ter muitos hóspedes. Dunga já deixara clara sua contrariedade com a situação.

Gostou? Compartilhe