Estado faz novo depósito nesta terça e quita salários de até R$ 8 mil dos servidores

Secretaria da Fazenda precisou reunir em caixa R$ 273 milhões, recursos com origem no recolhimento do ICMS

Escrito por
,
em

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

O governo do Estado realizará, ainda nesta terça-feira (12), o pagamento integral dos salários para os servidores com rendimento líquido entre R$ 5 mil e R$ 8 mil. Desta maneira, serão 317.770 matrículas com a folha de maio quitada desde a virada do mês, o que representa 93% do funcionalismo do Poder Executivo. Para atender aos funcionários que se encontram nesta faixa salarial (41 mil vínculos), a Secretaria da Fazenda precisou reunir em caixa R$ 273 milhões, recursos com origem no recolhimento do ICMS.

 

O novo crédito ingressará na conta bancária dos servidores entre o final da tarde e o início da noite. A quitação dos salários para os demais 7% do funcionalismo que resta em aberto (23.477 vínculos) deve acontecer nesta quarta-feira (13). Para tanto, serão necessários ainda cerca de R$ 297 milhões.

 

Ainda nesta segunda-feira (11), a Fazenda já havia depositado para quem tem rendimento líquido entre R$ 4.300 e R$ 5 mil, o que contemplava 81% das matrículas. A parte líquida da folha fechou em R$ 1,217 bilhão, sem considerar os valores das consignações. Ao todo, o Executivo contempla mais de 341 mil vínculos entre ativos, inativos e pensionistas.

 

Folha de maio do Executivo

  • Dia 30/05 - Até R$ 3.500 líquidos (226 mil matrículas) - R$ 426,3 milhões

  • Dia 30/05 - 5ª parcela do 13º salário de 2017 - R$ 118 milhões

  • Dia 30/05 - Indenização pelo atraso / folha de abril - R$ 500 mil

  • Dia 08/06 - Até R$ 4.300 líquidos (256 mil matrículas no acumulado) - R$ 125,4 milhões

  • Dia 11/06 - Até R$ 5 mil líquidos (276 mil matrículas no acumulado) - R$ 95,2 milhões

  • Dia 12/06 - Até R$ 8 mil líquidos (317 mil matrículas no acumulado) - R$ 273 milhões
Gostou? Compartilhe