AL debate proibição do consumo de bebidas em lojas de conveniências

Por
· 1 min de leitura

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

Parlamentar está preocupado com recorrente número de acidentes causados por motoristas alcoolizados Devido ao recorrente número de acidentes de trânsito causados pela ingestão de álcool por parte dos motoristas, o deputado Dr. Basegio (PDT) protocolou o Projeto de Lei 25/2012, que proíbe o consumo de bebidas alcoólicas nas dependências de postos de combustível, lojas de conveniência, estacionamentos e congêneres instaladas em sua área de serviço, no âmbito do Estado do Rio Grande do Sul. De acordo com a justificativa do projeto, mesmo em pequena quantidade, a ingestão de bebidas etílicas altera a psicomotricidade, desperta a sensação de euforia e o excesso de confiança que podem levar o motorista a praticar imprudências e transgressões as normas de trânsito. O abuso do consumo de álcool é coibido pelo Código Brasileiro de Trânsito (Lei Federal nº 9.503/1997), que constitui em infração gravíssima o uso acima de determinados percentuais.

 

Gostou? Compartilhe