Estado confirma mais quatro casos gripe A

Por
· 1 min de leitura

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

O Centro Estadual de Vigilância em Saúde (CEVS) confirmou, nesta terça-feira (05), quatro casos novos de gripe A H1N1 no RS. Com estes, o Estado registra 41 casos confirmados em 2011, sendo sete óbitos. No total, foram notificados 560 casos suspeitos, dos quais 394 foram descartados e 125 permanecem em investigação.

Os novos casos são foram identificados em uma mulher, de 52 anos, residente e internada em Porto Alegre; um bebê de 4 meses, residente em Vale do Sol e internado em Santa Cruz do Sul; uma adolescente de 15 anos, residente e internada em Santa Cruz do Sul; e uma menina de 7 anos, residente em Tavares e internada em Rio Grande.

Segundo o CEVS, a vigilância da doença demonstra que a situação está sob controle, não se caracterizando como uma epidemia até o momento. A Secretaria Estadual da Saúde reforça ainda que as medidas de prevenção devem ser mantidas, como lavar frequentemente as mãos com água e sabão ou álcool gel; ao tossir ou espirrar proteger a boca e o nariz; afastar doentes do convívio social; ventilar os ambientes e evitar aglomerações.

A estratégia de enfrentamento à gripe A H1N1 no Estado prevê o diagnóstico e o tratamento precoces para evitar o agravamento da doença. Por isso, a Secretaria Estadual da Saúde indica que, em caso de sintomas gripais como febre, tosse, dores no corpo e de garganta, a pessoa deve consultar um médico que poderá receitar antiviral (oseltamivir). Em caso de piora, é imprescindível retornar ao médico.

Agência de notícias do Governo do Estado

Gostou? Compartilhe