Governador participa da 35ª Romaria da Terra, em Santo Cristo

Por
· 1 min de leitura

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

O governador Tarso Genro participou, nesta terça-feira (21), no município de Santo Cristo, da 35ª Romaria da Terra. Autoridades da região e 18 dioceses do Estado, representadas por bispos, padres, religiosos e lideranças pastorais, além de movimentos populares, percorreram um trecho de dois quilômetros manifestando-se favoravelmente à sustentabilidade como forma de preservação da terra.

Sob o tema "Agricultura familiar camponesa: vida com saúde", o evento abriu oficialmente, às 9h, com o deslocamento até a comunidade de Bom Principio Baixo. Na ocasião, os agricultores carregaram símbolos encenando a "Agricultura para Vida e para Morte"; "Águas para Vida e para Morte"; "Êxodo Rural x Exemplo de Comunidade Organizada" e "Agricultura Familiar Camponesa: Vida com Saúde", finalizando com celebração realizada pelo presidente da Comissão de Justiça e Paz da CNBB, Dom Guilherme Werlang.

Tarso destacou que os ideais da Romaria são compartilhados pelo Executivo e que retornará às futuras edições do evento. "Estarei na Romaria também nos próximos dois anos, pois somente juntos poderemos fazer um Governo com aqueles que estão na base da pirâmide social", afirmou, ao ressaltar que acredita no desenvolvimento "de baixo para cima, a partir daqueles que trabalham, plantam, produzem e colhem."

Desenvolvimento Rural

O governador lembrou que um dos primeiros atos de sua administração foi enviar, à Assembleia Legislativa, o pedido de criação da Secretaria de Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo (SDR). "Este é o reconhecimento da importância do setor, já que 27% do PIB gaúcho vem da agricultura familiar".

Atualmente, a SDR atende 379 mil famílias de agricultores, 13 mil famílias assentadas, mil famílias de sem-terra acampadas, 22 mil pescadores artesanais, 30 mil piscicultores, 19.789 indígenas, 3.897 famílias quilombolas, 2.755 cooperativas rurais e urbanas e 8.160 agroindústrias familiares. Em 2011, foram desenvolvidos pela pasta planos como o Safra, Leite Gaúcho, de Agroindústria Familiar "Sabor Gaúcho", RS Pesca e Aquicultura, de Cooperativismo Rural, Erradicação da Pobreza, Troca-Troca de Sementes e ações contra os efeitos da estiagem, além da anistia às dívidas de agricultores e a indenização aos desalojados de áreas indígenas.

Durante a tarde prosseguem, na 35ª Romaria da Terra, apresentações e eventos culturais com artistas locais. O encerramento está previsto para às 15h30min, com celebração ecumênica. Conforme a organização, cerca de 30 mil pessoas participaram do encontro.

Governo do Estado

Gostou? Compartilhe