Otimismo marca lançamento da 34ª Expointer

Por
· 1 min de leitura

Notamos que você gosta de ler nossas matérias.

Você já leu várias nas últimas horas, para continuar lendo gratuitamente, crie sua conta.

Ter uma Conta ON te da várias vantagens como:

  • Ler matérias sem limite;
  • Marcar matérias como lida;
  • Conteúdo inteligente.
Criar contaAcessar
Você prefere ouvir essa matéria?

O lançamento da 34ª Expointer nesta quarta-feira (27) foi marcado pelo clima de otimismo. Mais de 500 pessoas, entre autoridades e representantes dos setores produtivos do Estado, lotaram o Pavilhão B do Cais do Porto da Capital em almoço no qual foram apreciadas a culinária e a música do Rio Grande do Sul.

A "Rádio Cais do Porto", temática idealizada pelo diretor teatral Nestor Monastério, fez uma "única e inesquecível" apresentação no evento. Ao explicar o formato, Monastério afirmou que o "rádio resgata nossas raízes, dialoga com o nosso afetivo e nos traz para dentro da Expointer". Neto Fagundes, acompanhado de seu grupo, cantou diversas canções e encerrou com uma interpretação do Hino Rio-Grandense.

Em seu pronunciamento, o governador Tarso Genro destacou a nova posição do Brasil no cenário mundial, baseada na imagem de um País que "cresce, se desenvolve e gera renda". O Rio Grande do Sul, afirmou Tarso, também tem reconhecimento mundial por suas ações políticas, culturais e produtivas: "E a Expointer é uma destas marcas que nos projetam e nos distinguem no Brasil e no Mundo. Vamos trabalhar para que cada feira seja melhor e mais completa que a outra".

O secretário da Agricultura, Pecuária e Agronegócio, Luiz Fernando Mainardi, disse que o Governo pretende oferecer aos produtores participantes da Expointer as melhores condições para que possam realizar "um grande evento".

"A qualidade de nossa produção nos diferencia de outras regiões e a inovação é estratégica para que possamos continuar aumentando a produção. Com isso, crescem também a renda dos produtores e a renda pública", declarou Mainardi ao detalhar os principais conceitos da edição deste ano.

O presidente da Farsul, Carlos Sperotto, anunciou seu otimismo com base, especialmente, nos resultados das feiras de terneiros e nos números de matrizes retidas nas propriedades: "O pecuarista está nos sinalizando, ao proporcionar 29% no aumento da demanda em relação ao ano passado e ao ampliar a retenção de matrizes em 38%, que quer aumentar seu rebanho".

Para o presidente da Federaçao dos Trabalhadores na Agricultura do Rio Grande do Sul (Fetag-RS), Elton Weber, a Expointer é o momento de "mostrar o que fazemos, o que somos e o que queremos para o futuro".

A 34ª Expointer será realizada de 27 de agosto a 04 de setembro, no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio. Estão inscritos 5.986 animais.

Agência de notícias do Governo do Estado

Gostou? Compartilhe