OPINIÃO

Uma breve história da Feira do Livro de Passo Fundo

Por
· 2 min de leitura
Você prefere ouvir essa matéria?

A Feira do Livro de Passo Fundo nasceu no ano de 1977. É assim, no convencional estilo da melhor tradição enciclopédica dos escritores de biografias, que encontrei aquela que julguei ser a maneira mais adequada de começar a contar a história da Feira do Livro de Passo Fundo, que esse ano chegou a sua 34ª edição. E se há que se atribuir uma paternidade ao evento, segundo o professor Welci Nascimento, essa deve ser dada a Athanásio Orth, que, na época, ocupava a Secretaria Municipal de Educação e Cultura, na administração Wolmar Salton e Firmino Duro.

Entre as metas do professor Athanásio Orth, estava a criação de uma Feira do Livro. Uma reunião com os livreiros foi convocada para debater o assunto. Outras tantas aconteceriam, com a participação ampliada por educadores e empresários, até que, finalmente, foi designado Welci Nascimento como coordenador da 1ª Feira do Livro de Passo Fundo, que seria realizada no final do ano de 1977, como parte das homenagens dos 20 anos da Faculdade de Educação da UPF. E assim, com o apoio do executivo municipal, que forneceu transporte para trazer livros de Porto Alegre, recursos para a construção de barracas e subsídios para a vinda de escritores, se fez, no final de 1977, a 1ª Feira do Livro de Passo Fundo, nas dependências da Praça Tamandaré, com a participação de Josué Guimarães.

A segunda edição da Feira do Livro aconteceu em 1978, na Praça Marechal Floriano (Praça da Cuia), com quatro barracas de livreiros e a presença de Cyro Martins. A feira do Livro começava a se consolidar e o evento se repetiria nos anos seguintes, no mesmo local, até a 6ª edição, em 1982, com as participações de Josué Guimarães, Sergio Capparelli e Jayme Caetano Braun.

Entre meados dos anos 1980 e início dos anos 1990 (até 1993, especificamente) há um hiato na história da Feira do Livro de Passo Fundo. A Feira foi retomada em 1993, no pavilhão anexo à Igreja Matriz Nossa Senhora da Conceição, sendo iniciada a tradição de escolha de patronos, cuja honraria coube à professora Tania Rösing. Desde então, sucederam-se no posto de patrono: Dalva T. M. Bisognin (1994), Antonio Kurtz Amantino (1996), Pe. Elli Benincá (1997), Neusa Rocha (1998), José Johann (1999), Mário Maestri (2000), Jaime Sirotsky (2001), Alberto da Costa e Silva (2002), Airton Lângaro Dipp (2003), Ignácio de Loyola Brandão (2004), Carlos Henrique Iotti (2005), Alcione Araújo (2006), Antonio Augusto Meirelles Duarte (2007), David Coimbra (2008), Gilberto R. Cunha (2009), Eduardo Bueno (2010), Luiz Carlos Tau Golin (2011), Carlos Urbin (2012), Paulo Monteiro (2013), Juremir Machado da Silva (2014), Jorge Alberto Salton (2015), Mariane Loch Sbeghen (2016), Luis Fernando Verissimo (2017), Luiz Coronel (2018) e Pablo Morenno (2019).

Em 1994, o evento foi realizado no Ginásio do Sesi. No ano seguinte, 1995, não houve a feira, que voltaria, em 1996, para a Praça Marechal Floriano, onde seria realizada, anualmente, até 2014. Entre 2015 e 2018, a Feira do Livro de Passo Fundo foi realizada nas dependências do Bourbon Shopping.

Em 2019, um sobressalto. O evento, que pela decisão, unilateral e de última hora, de não cedência do espaço no Bourbon Shopping, conforme planejamento inicial, quase que não foi realizada. Mas, pelo empenho da Associação dos Livreiros de Passo Fundo (ALPF), que, desde a sua criação, em 2008, tem assumido a coordenação e se responsabilizado pela realização da feira, acabou acontecendo no estacionamento do Passo Fundo Shopping, de 1º a 10 de novembro de 2019.

E veio 2020, ano da pandemia da Covid-19, e, outra vez, a nossa Feira do Livro sob a ameaça de não acontecer. Mas, a ALPF não esmoreceu. E estamos ai com uma Feira do Livro algo diferente, sem patrono designado, em formato híbrido, pelas redes sociais e com quatro estantes na Praça Marechal Floriano. Prestigie a 34ª Feira do Livro de Passo Fundo, de 2 a 6 de dezembro de 2020. Assista a programação pelas redes sociais (Facebook, Instagram e canal no YouTube)! Valorize os nossos livreiros! Compre livros! Nossos aplausos à ALPF!

Gostou? Compartilhe